Sábado ou Domingo? Carne ou Legumes? Circuncisão ou Incircuncisão?

Paulo quis que este fosse com ele; e tomando-o, o circuncidou, por causa dos judeus que estavam naqueles lugares; porque todos sabiam que seu pai era grego. Atos 16:3

Quais eram as convicções do apóstolo Paulo em relação aos sábados, domingos, comer carne, deixar de comer, circuncidar ou deixar de circuncidar, e tantos outros dogmas que estão presente na igreja cristã de hoje? 

Como o próprio apóstolo Paulo escreveu: “Sede, pois meus imitadores, como eu fui de Cristo” Atos 4:16.  Devemos então copiá-lo em tudo com certeza que estamos fazendo a coisa correta? Mas é tudo mesmo que devemos copiá-lo?

Existe alguma dificuldade nos ensinamentos
do apóstolo Paulo? 
Bem, segundo o Apóstolo Pedro, há pontos difíceis de entender no que Paulo quis dizer, mas Pedro sugere que possamos crescer na graça e no conhecimento, para não sermos enganado pelos dogmas criados pelos homens. II Pedro 3:15-18.

Paulo toma algumas atitudes que a princípio até parece contradição em seu ministério e antes de copiá-lo é preciso compreender porque Paulo o fez.

No caso da circuncisão de Timóteo porque Paulo fez questão de circuncidá-lo?
Nos dias de hoje há muitas doutrinas, dogmas, que alguns líderes garantem que o Apóstolo Paulo o fez, portanto é lei devemos copiá-lo. Não pode isso, não pode aquilo, cabelo comprido para a mulherada, curto para os homens, guardar o sábado, guardar o domingo, comer carne deixar de comer, comer apenas legumes e por aí vai... Ficaríamos horas relatando o que não pode e o que pode de acordo com as praticas feitas por Paulo.

Muitas denominações justificam seus dogmas e práticas muitas vezes em textos mal interpretados, ou totalmente sem contexto afirma que Paulo fez e por isso a igreja tem que fazer.
Vamos voltar ao texto base deste estudo?  Atos 16:3

Por que Paulo circuncidou a Timóteo? A resposta está no próprio versículo 3 por causa dos judeus que estavam naqueles lugares; porque todos sabiam que seu pai era grego. Mas porque Paulo tinha que se preocupar com os judeus que lá estavam? I Cor. 7:18-20.

Não é que Paulo teria que fazer o que os judeus faziam no tocante a circuncisão, mas foi uma forma estratégica do apóstolo para mostrar aos judeus que ele também guardava a Lei de Moisés. A convicção de Paulo neste ato não estava simplesmente no ato da circuncisão, mas em ganhar a simpatia dos judeus ortodoxos.

No caso da circuncisão então devemos copiá-lo? Claro que não! Se o próprio Paulo havia dito que a circuncisão nada é, se não for observada a Lei - I Cor 7:18-19.

Guardar o Sábado? Paulo guardou?
A igreja se reunia todos os sábados? 
Outro dia recebi em minhas mãos um folheto sobre o tema “A guarda do Sábado”. Segundo este folheto, devemos fazer, pois os apóstolos e principalmente Paulo o fez, e por isso devemos copiá-lo. Neste folheto foi citados vários textos escolhidos minuciosamente por esta denominação onde constava a palavra sábado, mas ignorados os textos como por exemplo que citava cultos no 1 dia da semana, ou reuniões dos cristãos todos os dias. 

O texto base deste folheto encontra-se em: Atos 17:2 que diz:

E Paulo, como tinha por costume, foi ter com eles; e por três sábados disputou com eles sobre as Escrituras.

O texto diz que Paulo foi ter com eles... Perguntamos então: Eles quem?
O versículo primeiro diz que eram estes “Eles” que Paulo disputou por três sábados, vejamos: 

“E PASSANDO por Anfípolis e Apolônia, chegaram a Tessalônica, onde havia uma sinagoga de judeus”. Atos 17:1

Ora meus queridos e amados irmãos como o Apóstolo Paulo poderia disputar com os Judeus sobre as escrituras tentando mostrar a Jesus Cristo e ainda em sinagoga fora do dia de sábado? Pois era o dia que os Judeus se reuniam.

Não tinha como não ser neste dia não é mesmo? Imagina Paulo indo no primeiro dia da semana conhecido por nós como “Domingo”, quem Paulo encontraria lá? Ninguém, talvez o zelador.

Portanto este texto [Atos 17:2] não serve como base para provar que Paulo guardava o sábado. Ainda neste mesmo capitulo 17 de Atos, descendo alguns versículos chegamos então no versículo de número 17 que diz:

“De sorte que disputava na sinagoga com os judeus e religiosos, e todos os dias na praça com os que se apresentavam. Atos 17:17.

Vemos neste versículo a frase “Todos os dias”, então, não podemos afirmar que Paulo freqüentava a sinagoga ou se reunia apenas aos sábados.

Queridos irmãos sabatinos, não pense que sou contra o culto no sábado, nem vos julgo por vocês guardarem este dia, pois sei que fazes por fé e julgas correto fazê-lo. O que ficamos realmente chateados é as críticas que nós evangélicos recebemos dos Adventistas normalmente por separarmos os Domingos para adoração. Chegam até dizer em seus discursos que não seremos salvos por quebrar esta guarda do sábado.

Vamos perguntar a Paulo o que ele pensa
sobre o sábado? Aliás, o que Ele fala sobre o Domingo também?
“Um faz diferença entre dia e dia, mas outro julga iguais todos os dias. Cada um esteja inteiramente seguro em sua própria mente.
Aquele que faz caso do dia, para o Senhor o faz e o que não faz caso do dia para o Senhor o não faz. O que come, para o Senhor come, porque dá graças a Deus; e o que não come, para o SENHOR não come, e dá graças a Deus”. Romanos 14:5-6

Que tal adorarmos ao Senhor todos os dias? Sábado, Domingo, segunda, terça, quarta, quinta e sexta? Que tal servi-lo independente de dias? Que tal respeitar quem guarda o sábado? Que tal respeitar quem guarda o domingo? Estás firme em sua própria mente do sábado? Amém. Então não julgues quem não guarda o sábado! Seremos salvos não pelo sábado, pois nenhuma carne será justificada pelas obras da Lei...
Carne ou Legumes?
Vemos também dogmas sobre alimentos, devo ou não comer carne? Não seria certo apena o legume? Vamos perguntar a Paulo?

E aí meu querido Paulo! O que tens a dizer sobre comer carne ou legumes?
Não é impuro comer carne de porco, lingüiça e etc?

Paulo responde
“Porque um crê que de tudo se pode comer, e outro, que é fraco, come legumes. O que come não despreze o que não come; e o que não come, não julgue o que come; porque Deus o recebeu por seu. Quem és tu, que julgas o servo alheio? Para seu próprio SENHOR ele está em pé ou cai. Mas estará firme, porque poderoso é Deus para o firmar”. Romanos 14:2-4

Por que Paulo Circuncidou, Fez voto, Raspou a cabeça, foi a sinagoga nos dias de sábado? Parecia um fariseu?

Mais uma vez Paulo responde:
E fiz-me como judeu para os judeus, para ganhar os judeus; para os que estão debaixo da lei, como se estivesse debaixo da lei, para ganhar os que estão debaixo da lei. Para os que estão sem lei, como se estivesse sem lei (não estando sem lei para com Deus, mas debaixo da lei de Cristo),
para ganhar os que estão sem lei. Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns. E eu faço isto por causa do evangelho, para ser também participante dele. I Cor 9: 20-23

Nestes textos acima vemos o porquê Paulo circuncidou, fez voto, foi no dia de sábado, e fez tudo isso como estratégia de evangelismo. Vemos também o contexto de estratégia em Atos 21: 21-25.

A igreja cristã primitiva se reunia todos os dias, mais foi no dia de Domingo que Paulo pregou um discurso mais longo, que temos conhecimento. Um culto dominical virou uma vigília, vemos isto em Atos 20: 7-12.

E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração, Atos 2:46

Vemos então que não era pratica doutrinária na igreja primitiva a guarda e cultos apenas aos Sábados.

Vemos em Atos 15:5-6 que alguns dos fariseus estavam obrigando alguns irmãos novos convertidos na fé, circuncidarem e guardar a lei se não, não seriam salvos. Este fato passado na igreja primitiva não parece o contexto desta mensagem? Mas o que foi resolvido pelos anciãos da igreja? Deixem-nos em paz, contanto que se afastem da prostituição, da carne sufocada e do sangue, sirvam ao Senhor com alegria... Perguntamos então: Porque estes mesmos anciãos não deixaram nada sobre a guarda do Sábado? A resposta é clara e objetiva, simplesmente os cristãos formados de judeus e gregos, ou seja, gentis não guardavam o sábado como ordenança.

Concluímos este estudo com a carta enviada pelos apóstolos e Anciãos aos cristãos da igreja primitiva e por que não a igreja dos dias atuais

Então pareceu bem aos apóstolos e aos anciãos, com toda a igreja, eleger homens dentre eles e enviá-los com Paulo e Barnabé a Antioquia, a saber: Judas, chamado Barsabás, e Silas, homens distintos entre os irmãos. 

E por intermédio deles escreveram o seguinte: Os apóstolos, e os anciãos e os irmãos, aos irmãos dentre os gentios que estão em Antioquia, e Síria e Cilícia, saúde. Porquanto ouvimos que alguns que saíram dentre nós vos perturbaram com palavras, e transtornaram as vossas almas, dizendo que deveis circuncidar-vos e guardar a lei, não lhes tendo nós dado mandamento. Pareceu-nos bem, reunidos concordemente, eleger alguns homens e enviá-los com os nossos amados Barnabé e Paulo, Homens que já expuseram as suas vidas pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo. Enviamos, portanto, Judas e Silas, os quais por palavra vos anunciarão também as mesmas coisas.

Na verdade pareceu bem ao Espírito Santo e a nós, não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias: Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da prostituição, das quais coisas bem fazeis se vos guardardes. Bem vos vá. Tendo eles então se despedido, partiram para Antioquia e, ajuntando a multidão, entregaram a carta. Atos 15:22-30

Deus continue nos abençoando e faça-nos crescer em graça e conhecimento.

Por Josiel Dias
IEC Alcântara

3 comentários:

  1. Cristo ressuscitou no sábado, não no Domingo!
    A ressurreição no Domingo é uma grande mentira

    http://luzdosabado.jimdo.com/

    Markus

    ResponderExcluir
  2. Cara essa da ressurreição no Sábado é nova. Mas voltando ao artigo.
    Gostei muito do blog, mas neste artigo encontrei uma falha comum: erro de interpretação.
    Note que Paulo ainda insiste em dizer que o Sábado é o dia do Senhor. E quando ele fala em Romanos 14:5-6 sobre fazer acepção de dias que tanto faz, ele se refere aos dias de jejum, alguns fariseus da época até se vangloriavam por fazer jejum em certos dias da semana julgando ser mais abençoado que os outros(Lucas 18:12) No caso Paulo diz: "Meus queridos, tanto faz jejuar em um dia ou em outro". E de acordo com 1Crônicas 17:27, o que Deus abençoa, está abençoado para sempre. E sobre Deus não julgar nossas obras... bom, o amor e a fé levam à obediência. E Paulo é bem claro quanto a isso em Romanos 3:31: "Anulamos então a Lei pela fé? De maneira nenhuma! Ao contrário, confirmamos a Lei". Em Romanos 6:1 e 2, ele completa:"Continuaremos pecando [quebrando a lei] para que a graça aumente? De maneira nenhuma!". Em João 14:15: "Se vocês Me amam, obedecerão aos meus Mandamentos."
    Meu e-mail é: daniel_1barros@hotmail.com.
    Caso queira manter contato.
    Até mais.

    ResponderExcluir
  3. Olá meu querido Markus Graça e Paz

    Eu creio que o texto é bem claro, não há pontos difíceis de entender, pois é bíblia no texto e contexto. Não sei onde vc leu que Cristo ressuscitou no sábado. Onde vc leu sobre isso?
    Deus te abençoe ricamente e volte mais vezes

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...