O que você vai fazer amanhã???

Do homem são as preparações do coração, mas do SENHOR a resposta da língua. Provérbios 16:1 

Você pode garantir sua palavra? Você pode garantir o que prometeu? Embora a Bíblia nos aconselhe que a nossa palavra seja: Sim, sim, e não, não (Mateus 5:37), não podemos garantir que faremos, ou estaremos em tal lugar, se Deus não permitir. 

Só Deus sabe o dia de amanhã, ninguém sabe se estaremos vivos à noite, ou pela manhã. Certa ocasião ouvi alguém dizer: Nem DEUS me impede de estar em tal lugar. Eu pensei: “Já vi esse filme” (Titanic). Como alguém pode garantir isso? Somos mortais, hoje estamos aqui, mas amanhã onde estaremos? 

Deus conhece nossa estrutura 
Contudo, vós não tendes o poder de saber o que acontecerá no dia de amanhã. Que é a vossa vida? Sois, simplesmente, como a neblina que aparece por algum tempo e logo se dissipa. Em vez disso, devíeis afirmar: “Se o Senhor quiser, viveremos e faremos isto ou aquilo”. Tiago 4:14-15 

Podemos preparar nossa missão, podemos arrumar nossas malas, podemos comprar nossa passagem antecipadamente, podemos reservar nossa hospedagem para as próximas férias, podemos nos preparar para qualquer coisa futura, mas não podemos esquecer que a resposta, a permissão vem de DEUS. Nenhum ser humano “tem autossuficiência em sua própria vida”. 

“Do homem são as preparações do coração, mas do SENHOR a resposta da língua”. Provérbios 16:1 
Você Precisa Saber que o Destino de sua Vida não Está em suas Mãos. Tiago 4:14 
Segue alguns pontos que devemos considerar: 

(a) Precisamos ser vigilantes (Mateus 24:42,44; 26:40,41) 
(b) Precisamos ser prudentes e ajuntar tesouros no céu. (Mateus 6:19-21) 
(c) Precisamos estar atentos, pois nossos planos poderão ser interrompidos a qualquer momento. (Prov. 16:1) 

Veja o exemplo que JESUS dá nesta história abaixo: 
O fazendeiro, dono de uma grande propriedade, conhecido como o “rei da soja”. Sua safra foi tão grande que ele disse: “Vou derrubar os celeiros velhos e construir outros novos... meus bens são tantos e vão durar tanto, que eu vou descansar, comer, beber e alegrar-me. Vou viajar pelo mundo todo, hospedar-me nos melhores hotéis comprar tudo o que quiser, sair com as mulheres mais bonitas, frequentar os melhores teatros, gozar a vida e gastar, gastar, gastar ...”. (Lucas 12:13-21). Sua vida foi ceifada naquela noite... 

Ninguém entre nós saberá o que acontecerá amanhã, só DEUS tem o controle, e a resposta para os nossos planos 

Deus abençoe 
Paz e Benção 
Josiel Dias

Namoro entre evangélico e católico dá certo?

Um evangélico namorar um católico pode ser considerado “jugo desigual”? Os pastores Nelson Junior e Angela Neto, do movimento Eu Escolhi Esperar, esclarecem o tema.

A verdade é que a maioria das igrejas evangélicas não recomendam esse tipo de romance, assim como a Igreja Católica — e os pastores do EEE explicam por quê.

Quando um casal está apaixonado, passa por cima de todas as diferenças. Mas com o passar do tempo, as divergências entre evangélicos e católicos podem começar a se tornar um peso.

“Casamento não é uma coisa muito fácil, e quando você inclui ingredientes que dificultam ainda mais, a frustração é certa”, eles explicam.

Assista:




Guiame

Cresce o número de crianças que injetam drogas para transição de gênero

O número de crianças que recebem injeções com bloqueadores de puberdade está crescendo cada vez mais nos EUA e Reino Unido. (Foto: Getty Images)
O número de crianças em tratamento de transição de gênero aumentou em 4.000% no Reino Unido.
O número de pessoas que se identificam como transexuais e transgêneros está aumentando nos Estados Unidos, incluindo muitas crianças e adolescentes.

A Academia Americana de Pediatria publicou descobertas de que mais adolescentes estão começando a usar "termos de gênero não tradicionais" para se identificarem.

Ativistas transgêneros insistem que as pessoas que se identificam como o sexo oposto devem passar pelo processo de transição que requer terapia hormonal e até mesmo cirurgias de mudança de sexo.

Os médicos têm aceitado cada vez mais atender casos de garotas menores de idade, que se identificam como sendo do gênero masculino e estão realizando mastectomias duplas (remoção dos dois seios) para evitar o "trauma" do desenvolvimento de mamas, relata a The Federalist.

Citando um estudo no Journal of American Medical Association, a revista conservadora disse: "Alguns médicos nos Estados Unidos estão realizando mastectomias duplas em meninas saudáveis ​​de 13 anos. A justificativa é a disforia de gênero — as meninas agora se identificam como meninos e, portanto, querem se parecer com meninos".

O estudo coletivo foi realizado em uma clínica especializada em atendimento a jovens transgêneros e coletou dados de pesquisas sobre o uso de testosterona e desconforto torácico entre jovens e adultos transmasculinos que se submeteram à cirurgia.

"Os jovens elegíveis tinham entre 13 e 25 anos de idade, foram designados para o sexo feminino ao nascimento e tinham um gênero identificado como algo diferente de sexo feminino. O recrutamento ocorreu durante as visitas clínicas e por telefone entre Junho de 2016 e dezembro de 2016", diz o estudo.

Europa
Como efeito da ideologia de gênero, a disforia de gênero também é um problema crescente no Reino Unido, onde jovens encaminhados para "tratamento de gênero" aumentaram de 97 em 2009 para 2.510 em 2017-2018, um aumento de mais de 4.000% em 10 anos.

"Alguns educadores já haviam avisado que a promoção de questões transgênero nas escolas geraria 'confusão' na mente das crianças e que incentivar as crianças a questionar o seu próprio gênero se tornou uma indústria", informou o jornal britânico Telegraph.

"A Dra. Joanna Williams, autora do livro 'Women vs Feminism' (Mulheres x Feminismo), disse que as escolas estão encorajando até mesmo as crianças mais novas a questionarem se elas são realmente um menino ou uma menina", acrescentou a publicação.

A questão é tão grande que as autoridades do Reino Unido lançaram uma investigação sobre o aumento de crianças que buscam a transição para o sexo oposto.

Tratamento químico
Já nos EUA, há também um impulso crescente para injetar drogas nas crianças, com o objetivo de impedir o início da puberdade.

"Pessoas razoáveis ​​ficariam perplexas, se não repelidas, pelas declarações e ações de um pesquisador líder em tratamento de transgêneros", relatou o Federalist. "Em um estudo financiado por uma doação de US$ 5,7 milhões do National Institutes of Health (NIH), pesquisadores incluindo a Dra. Johanna Olson, do Hospital Infantil de Los Angeles, estão supostamente avaliando o uso de bloqueadores da puberdade e hormônios sexuais cruzados em crianças disfóricas".

Na Inglaterra, 800 crianças disfóricas receberam injeções de bloqueadores da puberdade no ano passado, incluindo algumas com apenas 10 anos de idade.

O aumento estimulou uma investigação no Reino Unido sobre o aumento de crianças que buscam a transição para o sexo oposto. As autoridades vão analisar o papel das mídias sociais em incentivar as crianças a considerar a mudança de sexo.

A terapeuta familiar, Dra. Linda Mintle, disse à CBN News que as crianças muitas vezes enfrentam confusão sobre sua identidade de gênero, mas geralmente descobrem isso por conta própria.

"É muito normal as crianças se questionarem com algumas ideias de gênero, mas geralmente resolvem essas questões quando chegam à idade adulta sem nenhum tipo de intervenção", explicou ela. "Minha preocupação é: se pressionarmos as pessoas pelo que elas estão sentindo no momento, de uma forma ou de outra, não estamos permitindo que elas lidem com as coisas como normalmente lidariam para descobrir quem são".

Mintle acredita que é perigoso que os adultos incentivem as crianças a tomarem medidas drásticas e invasivas para lidar com suas questões sobre gênero. "A ideia dos adultos de pensar sobre crianças que não têm a capacidade de abstrair o que estamos falando é meio ridícula", acrescentou.

Guiame

Existe solução para o caos do mundo?

“Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.
Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. Mesmo vós sabeis para onde vou, e conheceis o caminho.
Disse-lhe Tomé: Senhor, nós não sabemos para onde vais; e como podemos saber o caminho?
Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim.” (João 14:1-6)

Ao assistir um telejornal podemos dizer que 99% das notícias são de desastres, mortes, desesperança, injustiças, … Aí eu pergunto: 1- Existe como manter esperança em meio a tanto caos? 2- Se há esperança, onde a encontramos? 3- Qual o caminho a seguir?

No contexto de João 14:1-6, Jesus vivenciava o caos. Traição, proximidade de sua humilhação e morte, entre outros fatos. Mas, Ele encontra forças para confortar seus discípulos dizendo que apesar dele ter que ir, não os deixaria sós. Bastava crer em Suas palavras.

Temos que entender que ainda hoje, o nosso Deus é um Deus presente que não nos deixa sós. Pois é essa certeza que nos faz ter forças e coragem para prosseguir em meio ao caos. Eu respondo então a primeira pergunta: Sim, há esperança em meio a tanto caus. Pois o Senhor é o mesmo ontem, hoje e sempre.

Mesmo sabendo que Jesus está conosco, no controle de tudo, é mais fácil sentar e desistir de caminhar. Mas, temos que deixar ecoar dentro de nós as palavras de Jesus que diz: “Não se turbe o vosso coração, credes em Deus, credes também em mim…”

A fé e a confiança nas palavras de Jesus é a única solução para nos manter com esperança. E, mesmo que nos bata o desespero que tomou conta de Tomé relatado no versículo 5, de não saber qual o caminho a seguir, o Senhor nos responde e tira nossa última dúvida: Jesus é o caminho, a verdade e a vida que nos conduz até o Pai.

Não busque segurança em outro lugar que não seja em Jesus! Não deixe que os acontecimentos que te rodeiam desviem o teu olhar do caminho. Confie e creia na Palavra.

“Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize.” (João 14:27)

Jesus é a nossa esperança, e isto nos basta!


GospelPrime

Malafaia chama Ciro Gomes de desequilibrado: “Não merece voto”

Pastor diz que candidato do PDT tem a ideologia da esquerda "no DNA"
Três dias após divulgar um vídeo pedindo para que os eleitores não votassem em Fernando Haddad (PT), o pastor Silas Malafaia agora está fazendo um apelo para que os brasileiros não confiem seu voto em Ciro Gomes (PDT).

Iniciou lembrando que o candidato tentou visitar Lula na cadeia para receber o apoio dele. Em seguida, disparou: “Agora imaginem um cara que vai pedir apoio ao maior corrupto da história política do Brasil, que é Lula, merece crédito?”.

Malafaia também lembrou que circulam na internet vários vídeos de Ciro agredindo pessoas. “Esse cara é um destrambelhado, como um homem desses pode governar o Brasil?”, questionou.

Conforme destaca o líder do ministério Vitória em Cristo, Ciro já se vangloriou de ter conseguido “abafar” o mensalão. “Que moral esse cara tem em combater corrupção?”, pondera, lembrando ainda que, anteriormente, o cearense falou em receber Sérgio Moro e o pessoal da Lava Jato “na bala”.

Visivelmente contrariado, o pastor cita uma série de declarações do candidato trabalhista, considerada machistas, por exemplo, mas que não repercutem na grande mídia como negativas.

“Isso é um esquerdopata, um destrambelhado, está no DNA dele a ideologia da esquerda. Não se enganem. Diga não a Ciro Gomes, não caia nessa conversa fiada dele, que está mostrando uma coisa que ele não é”, finalizou.

Assista

GospelPrime


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...