Todos Os Dias

"Eu te exaltarei, ó Deus, rei meu, e bendirei o teu nome pelos séculos dos séculos e para sempre. Cada dia te bendirei, e louvarei o teu nome pelos séculos dos séculos e para sempre" (Salmos 145:1, 2).

Um famoso instrumentista internacional costumava dizer: "Se eu não praticar um dia, ninguém perceberá. Se eu não praticar dois dias, eu perceberei. Se eu não praticar três dias, o mundo inteiro perceberá."

O que podemos dizer, sobre isso, em relação à nossa vida espiritual? Se deixarmos de nos relacionar com o Senhor por um dia, provavelmente ninguém notará essa nossa fraqueza. Se deixarmos Cristo fora de nossas atitudes por dois dias, logo sentiremos que as coisas não vão bem para nós. Se ignorarmos as coisas de Deus por três dias ou mais, perderemos a paz que só Cristo dá, perderemos o regozijo que só podemos encontrar na presença do Senhor e todos ao nosso redor testificarão de que o brilho por nós apresentado em todas as circunstâncias, já não existe mais. A nossa genuína felicidade depende de um contato diário e verdadeiro com o nosso Senhor e Salvador. Somente em Sua presença achamos a plenitude da alegria.

O segredo de uma vida de vitórias e realizações é estar, cada dia, diante do altar de Deus. Ele é a nossa força, o nosso estímulo, a nossa inspiração, a fonte de todas as nossas bênçãos. Ele nos anima, nos orienta, nos dirige os passos, nos mostra o caminho das grandes conquistas.

Quando compreendemos que as bênçãos nos acompanharão se estivermos todos os dias diante do Senhor, então não haverá obstáculo que não possa ser ultrapassado, não haverá lutas que não possam ser vencidas, não haverá sonhos que não possam ser realizados. Com Cristo em nossos corações, somos e seremos sempre mais que vencedores.

Você tem exercitado sua fé e colocado sua confiança todos os dias na presença do Salvador? Ou O tem buscado apenas nos momentos de aflição?

Por Paulo Roberto Barbosa

Aramaico bíblico volta a ser falado e ensinado em Israel

Alguns muçulmanos moradores de Jish se 
opunham aos estudos de aramaico
Duas pequenas aldeias da comunidade cristã que habita de Israel estão ensinando aramaico, num ambicioso esforço para ressuscitar uma das línguas que Jesus falava, séculos depois de ela ter praticamente desaparecido do Oriente Médio.

O novo foco colocado sobre a língua dominante na região há 2 mil anos atrás faz uso da tecnologia moderna: um canal de TV totalmente em aramaico é transmitido a partir da Suécia, onde uma comunidade de imigrantes manteve esta língua viva.

Na aldeia palestina de Beit Jala, uma geração mais velha de pessoas que falam aramaico está tentando ensinar a língua com seus netos. Beit Jala fica na região de Belém, onde o Novo Testamento afirma que Jesus nasceu.

Também na aldeia árabe-israelense de Jish, nos montes da Galiléia, onde Jesus viveu e pregou, as crianças do ensino fundamental estão tendo aulas em aramaico. A maioria das crianças pertencem à comunidade cristã maronita. A tradição religiosa maronita tem sua liturgia toda entoada em aramaico, mas poucos entendem as suas orações cantadas.

“Queremos falar a língua que Jesus falava” – disse Carla Hadad, uma menina de 10 anos moradora de Jish, que animadamente respondia as questões em aramaico feitas pela professora Mona durante uma aula recente.

“Nós falávamos essa língua há muito tempo atrás”, lembrou ela, referindo-se e aos seus antepassados. Durante uma aula, cerca de uma dúzia de crianças repetia uma oração cristã in aramaico. Elas também aprendem a dizer “elefante”, “como está?” e “montanha” em aramaico. Algumas crianças desenhavam cuidadosamente as letras aramaicas em seus cadernos que mais parecem manuscritos antigos.

O dialeto ensinado em Jish e Beit Jala e o “siríaco”, que era falado pelos seus antepassados cristãos e que se assemelha ao dialeto galileu que Jesus teria usado, segundo uma opinião de Steven Fassberg, perito em aramaico da Universidade Hebraica de Jerusalém.

“Eles provavelmente teriam conseguidos se comunicar com as pessoas daquela ápoca, caso se encontrassem hoje”, acredita Fassberg.

Em Jish, são 80 crianças do primeiro ao quinto ano que estudam aramaico duas horas por semana como matéria voluntária. Segundo Reem Khatieb-Zuabi, diretor da escola, o ministério da educação de Israel já providenciou verbas para que em breve as aulas se estendam até o oitavo ano.

Alguns muçulmanos moradores de Jish se opunham aos estudos de aramaico, informou o porta-voz Khatieb Zuabi. Eles temiam que isso fosse uma tentativa disfarçada de impor o cristianismo a suas crianças. Os cristãos afirmam que trata-se apenas de uma tentativa de reafirmar sua identidade árabe. Numa região marcada por tantos conflitos, muitos muçulmanos e cristãos de Israel preferem ser identificados pela sua etnia e não pela sua fé religiosa.

Segundo o ministério da educação, a escola de Jish hoje é a única escola pública de Israel onde o aramaico é ensinado. A escola Mar Afram, de Beit Jala é particular, dirigida pela igreja ortodoxa síria e os sacerdotes ensinado a língua aramaica e 320 alunos nos últimos cinco anos. Cerca de 360 famílias da região descendem de refugiados que falavam aramaico e chegaram à região na década de 1920, fugindo dos conflitos em Tur Abdin, na Turquia.

O sacerdote Butros Nimeh explica que os mais idosos ainda falam a língua, mas que ao longo dos anos ela foi se perdendo e eles esperam que agora essa nova geração venha a valorizar suas raízes.

Mesmo tendo a língua em comum, a igreja ortodoxa síria e os maronitas são do dois grupos religiosos distintos.

Os maronitas são a igreja cristã dominante no vizinho Líbano, mas são uma minoria entre os cerca de 210 mil cristãos que vivem na Terra Santa. Os cristãos ortodoxos sírios de Israel não passam de 2.000, informou Nimeh.

Além dos programas de televisão da rede Soryoyo Sat, a comunidade de fala aramaica que vive na Suécia pode chegar a 80 mil pessoas. Eles enviam para Israel o jornal “Bahro Suryoyo”, panfletos e livros infantis, informou Alan Arzu, representante da federação siríaca aramaica da Suécia.

Tudo isso tem ajudado na tentativa de ressuscitar o aramaico dos tempos bíblicos. “Quando ouvimos (a língua), podemos falá-la”, disse Issa, uma professora da rede pública.

Segundo Fassberg, o aramaicos foi a língua predominante na região desde 500 anos antes de Cristo. Mas no século 6, o árabe, língua falada pelos conquistadores muçulmanos da península arábica se tornou o idioma dominante e permanece assim até hoje.

Fonte: Gospel Prime com tradução e informações de Ksnt.com

Fé....

"Então disse Moisés a Deus: Eis que quando eu for aos filhos de Israel, e lhes disser: O Deus de vossos pais me enviou a vós; e eles me disserem: Qual é o seu nome? Que lhes direi? E disse Deus a Moisés: EU SOU O QUE SOU. Disse mais: Assim dirás aos filhos de Israel: EU SOU me enviou a vós" (êxodo 3":13, 14).

O bispo Beveridge ilustra, de maneira fabulosa, um dos nomes pelo qual Deus escolheu para Si mesmo: "EU SOU". Ele não disse, Eu sou sua luz, seu guia, sua força ou torre, mas só, EU SOU. Ele colocou Suas mãos, como que em branco, para que as pessoas pudessem escrever, debaixo delas, o que desejassem.

Como se estivesse dizendo: São eles fracos? Eu Sou forte. São eles pobres? Eu Sou riqueza. Estão eles em apuros? Eu Sou socorro. Estão eles doentes? Eu Sou saúde. Estão eles morrendo? Eu Sou vida eterna. Não têm eles nada? Eu Sou tudo. Eu Sou sabedoria e poder. Eu Sou justiça e misericórdia. Eu Sou graça e bondade. Eu Sou glória, beleza, santidade, perfeição, eternidade. O Senhor, EU SOU.

O Senhor é tudo para nós. Ele é o motivo de nossa alegria e felicidade. Ele é o nosso Senhor e Salvador, o Companheiro para todas as horas e todas as circunstâncias. Sem Ele nada somos e sem Ele nada podemos fazer.


Ele é o Pão que desceu do céu, a fonte onde bebemos e jamais temos sede, a Rocha onde nos firmamos, o Tesouro mais precioso que trazemos guardado no peito.


Quando as tristezas da vida nos atingem, Ele nos anima e nos enche de gozo. Quando as lutas começam a nos tirar as forças, Ele fortalece nossa esperança. Quando nosso caminho parece cercado de trevas e desilusões, Ele é a Luz que nos conduz à vitória almejada.


Ele é, sim, o Deus EU SOU. E a nossa felicidade é garantida quando EU SOU é o nosso Deus, quando cremos em Seus cuidados e proteção, quando O deixamos dirigir nossas vidas.


Por Paulo Barbosa

Catarata espiritual.

A catarata é a diminuição da transparência do cristalino. As imagens captadas pelo olho perdem sua nitidez. A medida que a doença avança a visão vai ficando mais turva e embaçada prejudicando atividades simples como comer, ver TV, caminhar....
Um personagem bíblico que perdeu a visão espiritual foi Balaão. A história se passa em Nm 22. Balaão foi encontrado por Balaque para almadicoar Israel. Enquanto ele estava a caminho do povo para amaldiçoa-los, um anjo apareceu. Balaão não percebeu, mas sua jumenta sim.
Ela não queria prosseguir o caminho. Balaão a espancou por três vezes. Então o Senhor “abriu os olhos de Balaão” e ele conseguiu perceber a realidade que estava oculta pela “catarata” de ambição e egoísmo.

Devemos manter os olhos espirituais sempre limpos, livres de qualquer tipo de pecado que pode fazer com que o olho comece a perder a visão. Pode-se realizar essa limpeza por meio da oração, gastando um tempo meditando sobre a nossa vida terrestre e a nossa vida espiritual e testemunhando sobre o amor de Cristo.

O estudo constante da Bíblia faz com que o organismo espiritual fique forte contra os possíveis ataques do inimigo. Devemos aprender sobre todos os conselhos de Deus para nossa visão. Deus não quer que soframos de catarata espiritual.

Deus pode abrir os olhos espirituais de cada um de nós. É possível que muitos tenhamos essa doença. E por estarmos com ela, não consigamos ver. Porém tenha a certeza de que hoje, Jesus quer curá-lo. Siga o conselho de Deus:
“Portanto, aconselho que comprem de Mim... colírio para os olhos, a fim de que possam ver”. Ap. 3:18

Fonte Jasc

O que o dinheiro não compra

Quem nunca imaginou possuir uma máquina de cédulas de dinheiro e sair comprando tudo que desejar os olhos? Quem nunca sonhou com um bom salário, onde você pudesse ter estabilidade, comprar as melhores roupas, morar em uma mansão, ter alguns carros importados e uma boa poupança com alguns milhões de Reais?

Dentro deste contexto, basta olharmos as filas nas casas lotéricas quando a Mega Sena está acumulada não é mesmo? Eclesiastes 6:7, I Timóteo 6:10.
Eu diria que tudo isto é vaidade, a bíblia nos mostra que nunca o ser humano estará satisfeito em relação ao dinheiro. Eclesiastes 2:4-11, I Timóteo 6:7-9.
O ser humano, pode até possuir toda grana do mundo, comprar o que desejar os seus olhos, mas existem alguns itens que jamais poderá comprar com toda sua prata ou ouro.
A Saúde Física e Mental
O ser humano pode comprar o melhor plano de saúde. O ser humano pode ter os melhores médicos de plantão ao seu favor, pode ter o melhor centro clinico disponível para ele, pode adquirir sem problemas os melhores remédios com seu dinheiro. Mas não pode, jamais, comprar a “saúde”, pois esta não se compra por nenhum valor. A nossa saúde emana de Deus, pois Ele é a nossa fonte. Quanto rico você conhece que vive gastando parte de sua fortuna em médicos e medicamentos, inúteis diante de sua situação? Nem todo seu dinheiro, médicos ao seu favor garantem sua cura. Eclesiastes 5:13.
Uma Noite de sono reparador.
Com dinheiro pode comprar uma bela cama, o melhor colchão disponível no mercado, mas não poderá comprar uma noite inteira de doce sono. Quantas pessoas endinheiradas dariam o que for preciso por uma noite de sono tranqüilo? Muitas destas pessoas dormem com efeitos de calmantes e drogas que logo logo ficam dependentes. E, muitas delas ficam como zumbis. Eclesiastes 2:23, Eclesiastes 5:12.
Seguro de Vida Eficaz
Com o dinheiro pode-se até comprar o melhor seguro de vida, mas nenhum dele garante a imortalidade, nem sei por que tem o nome de seguro de vida se não pode garantir vida.
Quando chegar a hora do segurado, nem adianta ficar com o contrato em mãos , pois isto não garante ficar vivo. Apenas este seguro, que deveria ter o nome de seguro de morte, garante: um belo caixão, flores e jazido, nada a mais além do cemitério.
A verdadeira Felicidade
Por mais que se tenha toda grana deste mundo, este dinheiro jamais garante felicidade. Felicidade não se compra, se adquire gratuitamente de quem tem toda autoridade para doá-la. Quantas pessoas ricas ou bem sucedidas são infelizes, embora sorriam na frente das pessoas dando uma impressão de felicidade, mas por dentro sua alma chora de angustia e tristeza. Quantas pessoas “Bem Sucedidas” tiram suas vidas suicidando-se.
Cadê a tal felicidade proporcionada pelo dinheiro?
Deus não se compra
Nem todo dinheiro disponível ao homem, poderá mover Deus ao seu favor, pois Deus não se compra. Mesmo que este dinheiro seja usado como pretexto de ajudar os pobres e miseráveis. Deus não se impressiona com “obras, caridades” feitas pelo homem em troca de salvação, somos salvos para as obras, não pelas obras ou caridades.
Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; não vem das obras, para que ninguém se glorie. Efésios 2:8-9.
O ser humano pode até comprar Pastor, Padre, Bispo, Papa, missas de sétimo dia, mas não poderá comprar o favor imerecido de Deus ao seu favor: isto é graça.
A Salvação do homem
Com Deus não se barganha, a Salvação do homem se dá pelo fato que houve alguém (Jesus) que pagou por nossas dívidas e pecados morrendo pendurado em um madeiro. A salvação é doada gratuitamente na pessoa do Salvador, a saber: Jesus Cristo Senhor.
Não há nada que nós seres humanos podemos fazer para aumentar ou diminuir a graça salvadora de Deus em nosso favor. Efésios 2:8-9.
Jesus garante ao homem saúde física e espiritual, pois ele mesmo levou sobre si as nossas dores, mazelas e doenças, tudo isso gratuitamente. Isaías 53:4.
Jesus garante o que nenhum medicamento ou calmante pode fazer, uma noite de sono reparador, pois ele retira de nós toda a ansiedade, toda incerteza do amanhã. Mateus 6:25-34. Filipenses 4:6.
Jesus garante o que nenhum seguro de vida pode fazer, Ele garante algo além da sepultura, Ele garante vida eterna, Ele garante ressuscitar-nos no último dia. Ele garante enxugar de nossos olhos todas as lágrimas. Ap 21:4,
Ele garante um lugar incorruptível, especial nos céus. João 14:6
Ele enxugará de seus olhos toda lágrima; e não haverá mais morte, nem haverá mais pranto, nem lamento, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas. Apocalipse 21:4
Jesus garante ao homem a paz que jamais o dinheiro pode comprar.

Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; eu não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize. João 14:27.

Não é errado ter dinheiro, nem possuir muitos bens, o errado é quando este dinheiro assume o lugar de Deus em nosso coração.
O erro está em amar ao dinheiro sobre todas as coisas. Lembra deste ditado: Meu deus é meu dinheiro?

Mas os que querem tornar-se ricos caem em tentação e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, as quais submergem os homens na ruína e na perdição. Porque o amor ao dinheiro é raiz de todos os males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos
com muitas dores. I Timóteo 6:9-10.

Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a sua esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que nos concede abundantemente todas as coisas para delas gozarmos; que pratiquem o bem, que se enriqueçam de boas obras, que sejam liberais e generosos, entesourando para si mesmos um bom fundamento para o futuro, para que possam alcançar a verdadeira vida. I Timóteo 6:17-18-19

Deus nos abençoe ricamente.

Por Josiel Dias
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...