Pastor revela que Neymar continua dando dízimo

Jogador mantém relações com a Igreja Batista Peniel
O jogador do Paris Saint-Germain, Neymar, mantém suas ligações com a Igreja Batista Peniel à distância. O templo, cuja sede é no município de São Vicente, no litoral do estado de São Paulo, recebe o atleta desde os seus oito anos de idade.

No entanto, Neymar tem enfrentado dificuldades de localização para se manter presente. Desde o ano de 2013, quando se transferiu para o Barcelona, sua presença e o contato com o pastor Newton Lobato, o presidente, tornaram-se raras.

Mas, de acordo com informações divulgadas pela revista Placar, o jogador de 25 anos ainda se mantém presente por meio de ligações telefônicas, mensagens pelo WhatsApp e pelos dízimos e ofertas, contribuições de caráter financeiro.

Em entrevista a revista esportiva, Newton Lobato afirma que a família e o jogador ainda possuem uma proximidade considerável, apesar das dificuldades de presença do atleta brasileiro.

O líder, que se considera um ‘mentor espiritual’ e amigo de Neymar, acredita que sua distância dificultou sua caminhada na fé cristã, o que inclui as festas, noitadas e, principalmente, as polêmicas com relação ao fisco na Espanha.

Durante a conversa, Newton não aceitou ser fotografado e não contou o valor – em espécie – que Neymar contribui em dízimo. A revista Veja, no entanto, estima que se a porcentagem de 10% seja respeitada, o valor dado pelo jogador por ano ultrapassa 20 milhões de reais.

Em 2010, em entrevista dada ao Estado de S. Paulo, Neymar chegou a falar sua visão acerca do dízimo e garantiu, na época – o jogador ganhava 400 mil – que a porção de 10% era entregue como fez quando ganhava menos de um salário mínimo.

“Para Deus, nada dói. E acho legal. A gente conhece bem o pastor da Peniel. Faz dez anos que estou lá e agora estão ampliando a igreja. Acho que se a gente acreditar em Deus, as coisas vêm naturalmente. Deus me deu tudo: dom, sucesso…”, disse.

GospelPrime

Apesar da doutrinação islâmica, cada vez mais jovens se entregam a Jesus no Irã

Jovem cristão iraniano ora em estudo bíblico. (Imagem: CBN.com)
Os jovens iranianos estão escolhendo seguir a Cristo em um número cada vez maior, apesar da forte doutrinação islâmica em suas famílias e escolas estaduais.

De acordo com a agência de notícias 'Mohabat News', que acompanha o avanço do cristianismo no Irã, onde os cristãos muitas vezes sofrem perseguição, o número de jovens convertidos ao Evangelho aumentou em uma "taxa exponencial" nas últimas duas décadas.

A notícia foi confirmada em tom de alerta pelo aiatolá Alavi Boroujerdi, um funcionário do seminário islâmico, que citou os "relatórios precisos que indicam que os jovens estão se tornando cristãos em e congregando em igrejas domésticas".

O relatório da 'Mohabat News' observou que "esta alta taxa de conversão da juventude iraniana ao cristianismo está ocorrendo de forma notável, apesar da forte doutrinação islâmica sobre juventude dentro de suas famílias e no sistema educacional".

"O governo islâmico do Irã dedica orçamentos maciços ao apoio de organizações muçulmanas que promovem o islamismo entre os jovens, dentro e fora das fronteiras do Irã. Esses esforços para atrair a juventude iraniana são muito mais visíveis nas cidades islâmicas, como Mashhad e Qom", afirmou o texto.

"Independentemente desses esforços, a juventude iraniana parece se tornar cada vez mais distante do Islã, o que é motivo de grande preocupação para o governo islâmico iraniano", acrescentou o relatório.

O governo iraniano respondeu a este alerta, gastando milhões na propaganda islâmica e promovendo fortes campanhas para fechar as igrejas em todo o país.

No entanto, de acordo com as estimativas do grupo missionário 'Elam Ministries', atualmente existem mais de 360.000 cristãos no Irã hoje, enquanto havia apenas 500 em 1979.

"Os líderes da Igreja acreditam que milhões de pessoas (jovens e adultos) ainda podem se entregar a Jesus nos próximos anos - tal é a fome espiritual que existe e a desilusão com o regime islâmico", informou o grupo Elam.

"Se permanecermos fiéis ao nosso chamado, nossa convicção é que é possível vermos ainda em nossos dias de vida a nossa nação sendo transformada. Porque o Irã é uma nação de passagem estratégica, a crescente igreja no Irã afetará as nações muçulmanas no mundo islâmico", explicou.

Guiame

Estado Islâmico assume autoria de ataque terrorista em Barcelona


O ataque terrorista em Barcelona deixou pelo menos 13 mortos e 100 feridos. (Foto: AP Photo/Oriol Duran)



Os terroristas usaram uma van para atropelar as vítimas em uma rua movimentada da cidade.
Na última quinta-feira (17), o Estado Islâmico reivindicou a autoria de um ataque terrorista que matou 13 pessoas e deixou pelo menos 100 feridos em Barcelona (Espanha).

Os terroristas usaram uma van para atacar as vítimas por atropelamento, dirigindo o veículo em alta velocidade entre pedestres em uma rua a movimentada na segunda maior cidade da Espanha.

A reivindicação foi confirmada no Twitter pelo 'SITE Intelligence Group', portal que monitora a atividade de extremistas na internet.

Segundo a publicação do grupo terrorista, os autores do atentado são "soldados do Estado Islâmico". Esse termo pode indicar que o atentado não foi planejado pela cúpula do grupo, mas sim por simpatizantes da milícia jihadista na Europa.

Três homens teriam atuado na ação terrorista, mas apenas um deles foi identificado: Driss Oukabir. Ele nasceu no Magreb, região islâmica do noroeste da África e que engloba países como Marrocos, Argélia, Mali e Tunísia.

O terrorista que atuou no atentado foi preso em Manlleu, cidade situada a 80 quilômetros de Barcelona e a 10 quilômetros de Vic, município onde a van utilizada em sua fuga teria sido abandonada. O próprio Oukabir teria alugado o veículo.

Nas redes sociais, o terrorista também informou que vivia em Marselha, grande cidade do sul da França, que atualmente tem uma significativa população originária do Magreb. Ele já tinha passagem pela Polícia na Espanha e, em 2012, teria cumprido pena por maus tratos na penitenciária de Figueres, também na Catalunha.

Em um pronunciamento oficial, o presidente da comunidade autônoma, Carles Puigdemont, informou que um segundo terrorista também já foi preso, mas a identidade deste ainda não foi divulgada. Outro jihadista foi morto em um tiroteio com as forças de segurança em Sant Just Desvern, cidade dos arredores de Barcelona, segundo o jornal catalão "La Vanguardia".

Há cerca de duas semanas, simpatizantes do Estado Islâmico já tinha lançado nas redes sociais pedidos por atentados na Espanha.

De acordo com Rita Katz, diretora do 'SITE', os jihadistas também cobraram "ataques iminentes" e a "reconquista" de Al-Andalus, nome dado à Península Ibérica no século VIII, na expansão do domínio muçulmano na região, que acabou durando quase 800 anos.

O uso de veículos pesados - como vans e caminhões - tem sido o método preferido de terroristas e até mesmo simpatizantes do Estado Islâmico para cometer atentados na Europa, como ocorreu, por exemplo em Nice, no mês de julho de 2016, em Berlim, em dezembro do mesmo ano, e em Londres, em março e junho de 2017.

O atentado de Barcelona foi o primeiro ato terrorista que o Estado Islâmico reivindicou na Espanha.

Guiame

Igreja cresce na Coreia do Norte e cidadãos deixam de idolatrar o ditador Kim Jong-un


Kim Jong-un é ditador na Coreia do Norte e está deixando de ser visto como um "deus" pelos norte-coreanos. (Foto: Época)



Um desertor da Coreia do Norte disse que as pessoas estão aceitando enfrentar os riscos de praticar a fé cristã no país.
O regime norte-coreano continua a perseguir qualquer pessoa que exerça sua fé (cristã ou qualquer outra) dentro das suas fronteiras, de acordo com um novo estudo do governo dos EUA, embora relatórios do país estejam sugerindo que cada vez mais pessoas estejam abandonando a idolatria ao ditador Kim Jong-un e optando por praticar sua fé pessoal.

Em alguns casos, a perseguição do regime pode ser tão extrema que leva as pessoas à prisão, tortura e até morte, segundo afirmou o estudo.

O Departamento de Estado dos EUA divulgou na última terça-feira o relatório anual sobre as liberdades religiosas globais, com a Coreia do Norte destacando-se por negar ao seu povo o "direito à liberdade de pensamento, consciência e religião".

"O governo continuou a lidar severamente com aqueles que se envolveram em quase todas as práticas religiosas através de execuções, tortura, espancamentos e prisões", afirma o relatório.

"Estima-se que entre 80 mil e 120 mil prisioneiros políticos, alguns presos por motivos religiosos, estejam sendo mantidos em áreas remotas, em condições horríveis", acrescenta.

Essas alegações foram apoiadas por um desertor norte-coreano que agora é membro da Coalizão mundial de Seoul para combater o genocídio na Coreia do Norte.

"A perseguição oficialmente sancionada de pessoas por razões religiosas ainda está lá e, eu diria, ainda mais forte do que antes", disse o desertor ao jornal 'The Telegraph'.

Mas mudanças sutis estão se tornando visíveis lentamente, disse o desertor, que pediu para manter seu nome sob sigilo, devido ao fato dele ser bem ativo no apoio a igrejas subterrâneas que operam no Norte.

"No passado, as pessoas eram convidadas a adorar à família Kim como deuses, mas muitos norte-coreanos não mais respeitam Kim Jong-un", disse ele. "Isso significa que eles estão procurando por algo mais para sustentar sua fé".

"Em alguns lugares, isso levou ao surgimento de religiões ligadas a xamãs, mas a igreja cristã também está crescendo e aprofundando suas raízes na Coreia do Norte", disse ele.

"Mesmo que as pessoas saibam que podem ser presas - ou até mesmo enfrentar o pior, como uma execuçãio - elas ainda estão escolhendo adorar a Deus, e isso significa que mais rachaduras estão aparecendo no regime e no sistema comunista ditatorial da Coreia do Norte", acrescentou.

Guiame

Balões com páginas da Bíblia são enviados a cristãos perseguidos da Coreia do Norte


Os cristãos da Coreia do Sul estão na missão de levar as Escrituras aos protestantes norte-coreanos. (Foto: Reprodução).



A Coreia do Norte é o país número um quando se fala em perseguição contra cristãos no mundo. Quem professa a fé em Jesus na nação enfrenta perseguições extremas e é proibido de praticar sua crença.

Os cristãos da vizinha Coreia do Sul estão envolvidos em uma missão especial para levar as Escrituras aos protestantes norte-coreanos, e essa missão envolve balões especialmente projetados.

Os balões estão repletos de páginas da Bíblia e podem caber todo o livro de Marcos. Os sul-coreanos seguem para a fronteira da Coreia do Norte e do Sul, uma zona desmilitarizada. A ação é simples, os balões são cheios com gás hélio e são lançados. Se o tempo estiver favorável, eles flutuam pelo território norte-coreano.

Dente-de-leão
A iniciativa é conhecida como “Operação Dente-de-leão”. "Começamos esse projeto em 1991, e assim como um dente-de-leão precisa do vento para espalhar suas sementes, precisamos do vento para espalhar a mensagem", explicou um cristão sul-coreano identificado como Peter que está envolvido no projeto.

"É quase impossível obter Bíblias na Coreia do Norte, então usar balões é uma das maneiras mais eficazes de compartilhar o Evangelho", continuou Peter.

"Ao enviar esses balões, deixamos nossos irmãos e irmãs norte-coreanos saberem que estamos orando por eles e as escrituras sobre os balões são para encorajá-los", acrescentou um outro crente.


Guiame

"Eu estava arruinando o meu corpo, que é templo do Espírito Santo", diz ex-transgênero


KathyGrace passou a esconder seu gênero verdadeiro após grande trauma. (Foto: Reprodução).



KathyGrace Duncan passou anos vivendo como “Keith”. Ela assumiu um papel de homem e foi tão convincente que nem sua namorada e nem os membros de uma igreja que ela frequentava tinham ideia de que era realmente uma mulher. KathyGrace cresceu em Portland, Oregon (EUA) e se lembra de querer ser um menino desde muito nova.

Sua casa não tinha ordem. Seu pai era abusivo com sua mãe. Então, mais tarde, seu meio-irmão abusou sexualmente dela. Ela então achou que seria melhor virar um homem forte e afirmado. Em entrevista para o site The Christian Post, ela revela a jornada de uma mulher cristã que transitou para um homem e que voltou a ser mulher novamente quando entendeu verdadeiramente a vontade de Deus.

Aos 20 anos, KathyGrace vivia como “Keith”. Ela tomou os hormônios necessários para a transição e teve uma mastectomia completa. Ela era uma cristã comprometida e ativa em sua igreja. Mas, as coisas não funcionaram tão bem quando descobriram a verdade sobre seu gênero e pediram que fosse embora.

"Eles basicamente disseram: ‘Nós o amamos, mas não podemos deixar você voltar aqui’", disse ela. Foi difícil de aceitar, mas incrivelmente, isso não afastou KathyGrace da igreja e ela foi atrás de outra. Isso aconteceu através de uma garota cristã que conheceu quando estava morando em Vancouver, Washington, que a levou para a igreja.

Uma mulher escondida
Seu gênero real estava tão bem escondido que ninguém na igreja e nem mesmo sua namorada na época tinha ideia de que ela era realmente uma mulher. Ao mesmo tempo, ela estava se aprofundando em seu desejo de conhecer o Senhor e não sabia que Deus estava prestes a agarrá-la de uma maneira radical.

Uma noite, o grupo de estudo bíblico dos jovens adultos estava ministrando sobre 1 Coríntios 6 e os ensinamentos do apóstolo Paulo sobre o corpo sendo o templo do Espírito Santo. Era um momento em que a luz da Palavra mudaria KathyGrace para sempre. Ela entendeu que não podia mais viver como homem.

"Alguma coisa me pareceu errada e eu me questionava: ‘O que eu fiz?’. Se meu corpo era um templo, eu estava arruinando meu templo”, disse. Ao contrário de sua igreja anterior, KathyGrace revelou a verdade ao pastor e, embora ele tenha admitido que não sabia bem o que fazer, ele concordou em caminhar ao lado dela e ajudá-la a encontrar um conselheiro para dar auxílio.

Restauração
Nessa altura, ela tinha 30 anos, mas pela primeira vez em sua vida, ela realmente queria viver como o gênero que Deus lhe deu, uma mulher. Agora, 24 anos depois, ela ainda está feliz por ser uma mulher, mas também tem uma mensagem poderosa para os cristãos. Ela quer que eles parem de citar as Escrituras em pessoas transgêneros e, em vez disso, trabalharem na construção de um relacionamento pessoal com eles, primeiro.

"Eles [pessoas transgênero] não chegaram assim da noite para o dia. Eles não serão curados de uma hora para outra", disse ela. "E os cristãos precisam estabelecer um relacionamento. Eles não podem simplesmente entrar e pensar que vão trazer cura. Você precisa estabelecer esse lugar de confiança. E como você está caminhando ao lado de uma pessoa transgênero, não faça deles um projeto. Eu tinha que saber que eu era amada e que as pessoas que estavam caminhando comigo me amavam e que não iriam me empurrar para um lugar onde eu ainda não poderia ir", finalizou.

Guiame

Olusegun Obasanjo alertou sobre a segunda vinda de Jesus Cristo durante um discurso numa igreja.


O ex-presidente da Nigéria, Olusegun Obasanjo, alertou sobre a segunda vinda de Jesus Cristo durante um discurso realizado em uma igreja no último sábado (12).

“Vocês precisam estar completamente preparados para a segunda vinda do nosso Senhor, não há acordo”, disse Obasanjo na Igreja Fé Apostólica Choir no estado de Ogun, na Nigéria.

Obasanjo, que foi presidente do país entre 1999 e 2007, aproveitou o momento de louvor para dizer que a adoração é uma indicação do que será o céu.

“Jesus Cristo veio ao mundo para nos mostrar o caminho para a salvação e para a vida eterna. Temos uma boa herança e temos tudo para nos orgulhar", disse ele, segundo a Agência de Notícias da Nigéria.

O político falou ainda sobre a situação do país africano e sua mudança diante da fé. “A Nigéria pode ser consertada por Deus, mas devemos convidá-Lo para as nossas vidas. O que temos que fazer com este país está em nossas mãos. A graça de Deus é abundante quando não abusamos dela”, afirmou.

A Nigéria tem sido marcada nos últimos anos por uma crise econômica provocada pelos conflitos contra o grupo terrorista Boko Haram, que tem assassinado tanto cristãos como muçulmanos.

Embora o governo tenha dito que o grupo extremista islâmico foi coagido no ano passado, o líder do grupo, Abubakar Shekau, ressurgiu para declarar que não há espaço para que os cristãos convivam com muçulmanos no país.

A imprensa nigeriana estima que a guerra contra o Boko Haram já resultou em pelo menos 20 mil vítimas desde seu início em 2009, tendo cristãos como principal alvo do grupo.

Adebayo Adeniran, superintendente distrital da Igreja Fé Apostólica na África Ocidental, aproveitou a reunião do último sábado para convocar os cidadãos a promover a convivência pacífica, independentemente das diferenças religiosas e políticas.

“Os ombros do nosso país serão elevados entre a cortesia das nações. Todos os nigerianos, independentemente da religião, devem orar pela ressurreição daquilo que a nossa nação perdeu”, declarou Adeniran.

“Os nigerianos devem permanecer pacientes diante da intolerância política e religiosa, da insegurança e das dificuldades econômicas. Deus nos fará triunfar sobre tudo isso”, disse ele.

Guiame

Bíblia usada por Elvis Presley revela mais sobre a fé do cantor: "Eu confiarei em Deus"

Bíblia pessoal de Elvis Presley traz anotações do cantor. (Imagem: Guiame)
Um aplicativo bíblico disponibilizando imagens com as páginas de uma Bíblia que foi usada Elvis Presley.

Elvis Presley é conhecido como o "Rei do Rock'n Roll", mas foi a música gospel que teve a maior influência em sua vida.

"Ao longo de sua carreira, ele continuou retornando à mensagem do Evangelho em suas músicas", disse Charles Hughes, que escreve sobre música e história do sul. "Cantando músicas evangélicas, gravando discos com essas músicas e incorporando em seus shows, técnicas de apresentação que ele teria aprendido igreja".

Joe Moscheo, membro do grupo 'The Imperials', um grupo evangélico que viajou com Elvis, escreveu um livro intitulado "The Gospel Side of Elvis" ("O lado do Evangelho em Elvis") em 2007. Nessa época, ele falou com o jornalista Scott Ross, da CBN sobre a fé cristã do cantor lendário.

Moscheo, que morreu em 2016, disse a Ross que ele se lembra de como Elvis se reunia com os outros cantores e instrumentistas em seu quarto de hotel para cantar música gospel por horas.

"Isso era o que ele queria fazer. Era como se houvesse duas partes dele próprio: havia o Elvis superstar subia ao palco, mas quando ele descia do palco, era o Elvis Presley de Tupelo, Mississippi, que foi criado no Igreja e ele queria cantar música gospel", contou o músico.

O grupo 'The Imperials' viajou com Elvis de 1969-1972 e gravou dois álbuns de Gospel com ele, incluindo o seu disco que o levou a ganhar um Grammy, "He Touched Me".

Na última vez que viu Elvis, Moscheo decidiu dar uma Bíblia ao astro do rock.

"Eu disse: 'Elvis, tenho algo para dar a você ... Eu sei que você está lutando contra dificuldades, mas todas as respostas que você precisa estão neste livro. Então, tudo que você precisa fazer ler isto que estou te dando", contou o músico, se lembrando daquel momento marcante.

Ross perguntou a Moscheo se ele acreditava que Elvis tinha um relacionamento com Jesus Cristo e foi salvo.

"Eu acredito que sim", disse Moscheo, sem titubear.
"Ele teve problemas. Quero dizer, é muito difícil imaginar que um cara como Elvis Presley poderia viver sem problemas. Mas eu estive ao lado dele e realmente sinto que ele era um cristão. E, senti que ele estava tentando manter isso, por mais difícil que fosse. Ele estava se agarrando à sua fé o máximo que podia e espero vê-lo um dia no céu", disse Moscheo a Ross.

A Bíblia usada por Elvis Presley
Segundo estudiosos, a Bíblia do cantor fornece uma visão mais profunda sobre sua fé cristã - e graças ao Museu da Bíblia, em Washington (DC) - pessoas do mundo todo terão a oportunidade de fazer exatamente isso.

Norm Conrad é o curador de impressões americanas e bíblicas para o Museu da Bíblia. Ele disse à CBN News que ele está convencido de que a Bíblia que eles estão expondo em um novo programa de estudos pertenceu a Elvis, porque foram encontradas no livro, algumas notas escritas pelo próprio cantor.

"Você pode dizer que esta é a Bíblia pessoal de Elvis Presley", disse Conrad.
A Bíblia que está sendo exposta pelo Museu em Washington (DC) não foi aquela dada por Moscheo, mas sim uma que Elvis ganhou de sua família. Ela foi dada a Elvis por seus tios em seu primeiro Natal em Graceland, sua casa em Memphis, em 1957.

Conrad disse que os versículos sublinhados e notas pessoais escritas a mão refletem temas de confiança em Deus.

"Estes trechos definitivamente se inclinam para: 'Eu confiarei em Deus', 'Eu posso confiar em Deus', 'Deus está no controle", revelou Norm.

Embora não seja um especialista sobre a vida de Elvis, Conrad acredita que os escritos mostram que o cantor realmente tinha momentos devocionais.

"Se ele não era um homem de fé, então ele era um homem que procurava um relacionamento com Deus. Creio que ambos. Eu acredito que ele era um homem de fé. Realmente acredito nisso", explicou Conrad.

O museu possui um novo e emocionante plano de estudo no aplicativo 'YouVersion', que permite aos usuários lerem a Bíblia KJV - versão que foi usada por Elvis e será exposta.

O 'YouVersion' é um aplicativo Bíblico gratuito para o seu telefone, tablet e computador.

O novo plano de leitura do Museu da Bíblia YouVersion, é intitulado "Rockin Through the Psalms with the King" e convida os leitores a participarem de um estudo de sete dias através da Bíblia KJV, incluindo as próprias notas manuscritas e versos sublinhados pelo cantor.

Um exemplo dessas notas pessoas está logo abaixo do Salmo 11:1, onde Elvis escreveu: "No Senhor, coloco a minha confiança e Ele me guiará".

Já o salmo 43:3 está sublinhado e traz com uma nota na parte superior da página, dizendo: "Senhor, me mande luz para me guiar".

E ainda no final da página 670, em referência ao Salmo 137:5-9, estão as palavras: "Confie só no Senhor, não no Homem".

"Ele é um excelente exemplo da influência incomparável que a Bíblia tem sobre as pessoas. Sua vida pode ter dado algumas voltas e voltas ao longo do caminho, mas é claro, como evidenciado por suas próprias notas manuscritas, que a Bíblia teve um impacto profundo sobre ele", Disse Bickley.

É evidente que Elvis olhou para a Bíblia para se inspirar em sua música.
Logo abaixo do Salmo 81, Elvis também escreveu: "Cante Louvores ao Senhor".
Em referência ao Salmo 149:3-6, outra nota também diz: "As mais altas graças da música fluem dos sentimentos da alma do coração".

Várias outras frases e palavras também foram anotadas no Salmo 149 com dizeres, como "Cante para a Glória de Deus", escrito com a caligrafia de Elvis no final do Livro dos Salmos.

O estudo Elvis pode ser acessado através do aplicativo YouVersion Bible.

As fotografias da Bíblia Elvis Presley estão incluídas com a permissão de seu dono.

Guiame

Agenor Duque ridiculariza “Nossa Senhora” e compara santos com uma Coca-Cola

Assim como aconteceu recentemente com um vídeo do pastor Cláudio Duarte, católicos estão enfurecidos com uma pregação de Agenor Duque sobre a idolatria. Embora não seja novo, um trecho de uma pregação dele começou a circular nas redes sociais e no Youtube esta semana com uma edição que coloca a imagem de “Nossa Senhora Aparecida” sobre uma garrafa de Coca-Cola.

É que na versão original, ele utiliza uma garrafa de refrigerantes para ilustrar sua opinião sobre os santos que são cultuados por católicos e, embora não os cite nominalmente, faz menções à imagem mais conhecida de Aparecida e a São Jorge, santo tradicionalmente representado sobre um cavalo.

Dirigindo-se a telespectadores de seu programa que possuem imagens em casa, Agenor comparou-as a uma garrafa de Coca-Cola, além de parafrasear um trecho do Salmo 115: “a boca dela não fala, o ouvido dela não ouve”. Ao mesmo tempo que dizia estar falando da garrafa, citava características conhecidas das figuras católicas, como o uso da capa ou o fato de montar um cavalo.

Ele lançou um desafio para que as pessoas que costumavam prestar culto ao que chama de “deusa ou santo” rompesse com essa prática e aceitassem Jesus como “Senhor e Salvador”.

Sugeriu que os fiéis que estão doentes colocassem a imagem no chão. “Desafia o meu Deus e o câncer vai sumir, a diabetes vai sumir”, insistiu, dizendo que após a cura acontecer, eles deveriam jogar fora a imagem.

Ao usar a comparação com o refrigerante, o apóstolo da Igreja Plenitude do Poder de Deus, Agenor estava evitando a acusação de violar o artigo 208 do Código Penal Brasileiro, que proíbe escarnecer da fé alheia ou “vilipendiar publicamente ato ou objeto de culto religioso”.

Se tivesse usado uma imagem da ‘santa’ ou do ‘santo’ e fosse formalmente acusado, poderia enfrentar detenção “de um mês a um ano, ou multa”.

Como o vídeo começou a viralizar, muitos católicos se irritaram com a comparação e protestaram, questionando os argumentos do líder religioso evangélico.

O site Catholicus, que comentou a pregação controversa, diz que pastores que criticam os santos estão “insultando a constituição brasileira, o Estado Laico e em uma clara cruzada com os católicos” e que “a forma com que esses líderes religiosos induzem seus seguidores a desacreditar nas demais religiões, é impossível ficar inerte diante dessa “guerra” declarada, ao ponto de fazer uma comparação bizarra que presta um grande desserviço na busca pela união e fraternidade religiosa”.

Assista:


GospelPrime

“Valores evangélicos são inegociáveis”, diz Malafaia a Alckmin e Doria

Alckmin e Doria ouvem doutrina de pastor em evento evangélico
Nesta quinta-feira (17), durante a abertura da ExpoCristã, feira do mercado evangélico realizada em São Paulo, o pastor Silas Malafaia fez um sermão onde também falou sobre política: “Quem quiser fazer graça com o politicamente correto. Segue aí o seu caminho. Não vamos entrar nesta furada de jeito nenhum.”

Estavam presentes, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o prefeito da capital paulista, João Doria, ambos do PSDB e considerados futuros candidatos a presidente da República.

O líder da Assembleia de Deus Vitória em Cristo destacou que o maior problema, atualmente é a imposição da “ideologia de gênero”. Essas “noções são uma das maiores engenharias do diabo para destruir a família”, asseverou às dezenas de presentes no evento.

Conforma lembrou, evangélicos e católicos são, juntos, a maioria da população brasileira (80%). Portanto, não deveriam aceitar a ideia popularizada pela esquerda que masculino e feminino seriam construções sociais, e não biológicas.

Malafaia declarou-se a favor do “gênero humano”, por isso entende que essas ideias são “uma das maiores engenharias do diabo para destruir a família”. Lembrando da atuação da bancada evangélica na Câmara, disparou: “Como maioria num Estado de direito, vamos nos fazer prevalecer e isso é inegociável”.

“Não é colocar crente na Presidência, é colocar alguém que defenda nossos valores”, disse o pastor Claudio Duarte, também presente no evento. “Botei filho na escola para aprender português, matemática, e não ideologia de gênero”, enfatiza.

No salão, os líderes evangélicos promoveram ainda um momento de “oração pelo Brasil”, que contaria com a presença do presidente Michel Temer, que acabou não aparecendo.
Malafaia aconselhou Doria

A proximidade de João Dória com líderes evangélicos não é novidade. Ele, que no passado, já declarou apoiar o casamento gay, disse discordar do ensino da ideologia de gênero na escola.

Segundo a Folha de São Paulo, Dória chamou Malafaia de “amigo” e arriscou um “glória a Deus” durante a pregação. Por sua vez, o pastor explicou que já aconselhou Doria a deixar o PSDB para disputar o pleito do ano que vem. Em outros momentos, já declarou seu apoio ao “presidente Dória”.

GospelPrime

Nada a Perder quer alcançar 22 milhões de espectadores

Membros da Igreja Universal serão mobilizados assistir filme sobre a vida de Edir Macedo
O primeiro filme que contará parte da história de vida do líder da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd), Edir Macedo, tem data de lançamento prevista para março de 2018. No entanto, as ações para sua promoção já começam em setembro.

Clodomir Santos, um dos líderes da igreja, esteve em reunião com demais nomes da Universal, e definiu que a obra alcance 22 milhões de espectadores. O número corresponde ao dobro da bilheteria que Os Dez Mandamentos fez em 2016.

Os programas e famosos da Record TV estarão convocados para a promoção de Nada a Perder. Mas, além disso, a Universal também mobilizará pastores, obreiros e membros para financiar ingressos com o objetivo de oferecer a pessoas que não possuem condições de frequentar as telonas.

De acordo com informações divulgadas pelo Notícias da TV, a ideia é semelhante a estratégia feita com Os Dez Mandamentos, que foi considerado o filme nacional com a maior bilheteria no país. No caso, ingressos foram comprados antecipadamente, mas as sessões estavam repletas de cadeiras vazias.

A principal meta em torno do filme é afastar as polêmicas que envolveram a história de Edir, como sua prisão, declarações polêmicas e, talvez, até sua antiga relação com R. R. Soares, ex-líder da Universal e atualmente responsável pela Igreja Internacional da Graça de Deus (Iigd).

Assim, o marketing em torno da obra será mais focado em vender Nada a Perder como uma obra de superação. A justificativa é que o líder veio da pobreza, hoje é milionário, e utilizou seu sucesso para propagar a fé cristã.

Na semana de lançamento da produção audiovisual, os templos da Universal terão uma programação inédita: Cultos serão realizados todos os dias, e terá mobilização entre os diferentes cargos para fazer do filme um sucesso nacional.

A meta de espectadores é acima de qualquer filme produzido em Hollywood, incluindo obras da Marvel, como Capitão América: Guerra Civil, lançado em 2016 e que teve mais de 2,5 milhões em quatro dias.

GospelPrime

Traficante se converte em boca de fumo após ser evangelizado por colega


O pastor Alexandre Cardoso foi um dos pioneiros no tráfico de drogas da Zona Leste de Manaus. (Foto: Euzivaldo Queiroz)



Alexandre começou a frequentar a igreja após ser evangelizado por um amigo ex-traficante
No passado, Alexandre Cardoso foi um dos pioneiros no tráfico de drogas da Zona Leste de Manaus, no Amazonas. Hoje, aos 36 anos, ele só entra nas bocas de fumo para levar a Palavra de Deus e resgatar vidas.

“Conheci as drogas com 14 anos. Depois de um ano consumindo maconha, pasta e cocaína, fui convidado para vender as substâncias”, disse ele ao site A Crítica, lembrando que fazia parte do grupo “Patinadores do São José”, bairro onde iniciou o tráfico de drogas.

Foram quase dez anos envolvido com o tráfico, embora naquela época o crime não houvesse relação com homicídios. “Quando alguém estava devendo a boca, o máximo que a gente fazia era dar uns tapas. Não existia esse negócio de sair matando. A gente nem mesmo tinha armas”, comentou.

Alexandre foi impactado pelo Evangelho através de um amigo traficante, que era considerado perigoso na região. “Ele entrou na boca onde eu vendia e começou a dar o testemunho dele, leu a palavra para mim e nesse momento percebi que poderia ter uma vida diferente”, contou.

O pastor Alexandre Cardoso já resgatou pessoas do tráfico de drogas em Manaus. (Foto: Euzivaldo Queiroz)

“Comecei a frequentar a igreja e consegui deixar o mundo do crime. Desde lá dedico minha vida em estudar a palavra do Senhor e pregar em locais de tráfico e prostituição”, acrescentou.

Deste então, Alexandre viu muitos amigos, conhecidos e até familiares perderem a vida para o tráfico de drogas. Por outro lado, o ex-traficante, que hoje é pastor, já conseguiu salvar três pessoas que atuam em sua igreja.

Vilmar Pedrosa, de 24 anos, hoje faz parte da igreja de Alexandre, mas sua história com o tráfico de drogas começou aos 13 anos. “Eu era o traficante de frente da rua. Escapei de morrer várias vezes por ter dívidas com os traficantes maiores”, ele lembra.

Guiame

Policial sobrevive a tiros após receber oração: “Em nome de Jesus, você viverá”


O policial recebeu quatro tiros durante uma ação contra um roubo. (Foto: Reprodução)



O policial recebeu quatro tiros durante uma ação contra um roubo, nos Estados Unidos.
Um policial sobreviveu a tiros durante seu serviço após receber orações de sua família, na Carolina do Sul, nos Estados Unidos.

Quincy Smith estava atendendo a denúncia de assalto a um supermercado na cidade de Estill, quando abordou o criminoso Malcolm Orr, de 29 anos.

Um vídeo registrado por câmeras de segurança mostra o ladrão com uma mão no bolso enquanto fala no celular. “Venha aqui por um segundo. É melhor parar, senão...", avisou o policial.

Em vez de se render, Malcolm baleou Smith com quatro tiros no pescoço, quadril e braço. O policial teve dois ossos do braço quebrados, uma veia do pescoço cortada e o alto do tronco atingido pela bala.

Com os ferimentos, Smith caiu no chão imediatamente, mas conseguiu rastejar até o carro da patrulha. “Diga a minha família que eu os amo”, disse ele por rádio.

Instantes depois, um homem chamado John Tompkins, que estava completando os trabalhos de construção na loja de conveniência onde ocorreu o crime, foi ajudar o policial.

“Ele veio me ajudou e ficou lá comigo. Eu pensei que fosse morrer naquele dia por causa dos ferimentos graves que eu tive, principalmente no pescoço. Mas ele ficou lá, me confortou e me deu um pouco de esperança”, lembra o oficial.

Duas pessoas da família de Smith chegaram no local um pouco antes da ambulância e clamaram a Deus. “Em nome de Jesus, você ficará vivo”, declarou a mulher, que pôde ser ouvida enquanto gritava em oração pelo policial.

O procurador Duffie Stone anunciou na semana passada que Malcolm foi considerado pelo júri culpado de tentativa de assassinato e posse ilegal de armas. O criminoso foi condenado a 35 anos de prisão.

“Pela graça de Deus e alguns médicos muito bons, esse não foi um caso de assassinato, mas de pena de morte”, disse Stone em um comunicado.

Enquanto isso, Smith se recupera bem do incidente. “Estou muito melhor. Ainda estou sem trabalhar devido a licença médica. Ainda estou fazendo terapia, recuperando meus ossos e músculos para o trabalho”.

Guiame

ONG doa US$ 1 milhão para escolas ensinarem sobre a Bíblia às crianças


A organização "Bíblia nas Escolas" busca incentivar instituições de ensino a estabelecerem um programa optativo de ensino das Escrituras. (Foto: Bible in the Schools)



A doação foi feita por uma organização cristã para incentivar escolas a desenvolverem suas aulas optativas sobre a Bíblia.
A organização cristã local sem fins lucrativos "Bíblia nas Escolas" ("Bible in the Schools"), entregou ao Distrito Escolar do Condado de Hamilton um cheque de mais de US$ 1 milhão de dólares na última segunda-feira (14). A doação foi feita sob uma condição específica: continuar a desenvolver a ministração de aulas eletivas sobre a Bíblia para as crianças nas instituições de ensino.

Por mais de 90 anos, a ONG cristã contribuiu para o desenvolvimento do sistema educacional. Esta última doação reembolsa 100 por cento dos custos das aulas já ministradas sobre a Bíblia em todo o ano letivo passado nas Escolas do Condado de Hamilton. O curso de História da Bíblia sempre teve um caráter eletivo - aula optativa - porém tem tido grande adesão, com mais de 3.700 alunos de 6 a 12 anos participando no ano passado, de acordo com os dados de inscrição.

A doação cobre os salários dos professores, benefícios, impostos, formação profissional de professores, materiais de sala de aula e livros didáticos - a Bíblia - para todas as escolas participantes, de acordo com um comunicado de imprensa da ONG "Bíblia nas Escolas".

Bryan Johnson, superintendente das Escolas do Condado de Hamilton, disse que ele é grato por aqueles da comunidade que que investem no financiamento das aulas eletivas sobre a Bíblia e agora, especificamente, agradece à doação da ONG cristã.

"Este presente nos permite [Departamento de Educação do Condado de Hamilton] contratar 18 professores qualificados e certificados da História da Bíblia no ano letivo 2016-2017. Este enriquecimento de 20 escolas médias e secundárias com mentores-chave e modelos para estudantes, aumentou o proporção entre alunos e professores, e expandiu as ofertas de cursos acadêmicos - tudo o que continua a aumentar a qualidade da educação pública no condado de Hamilton", disse Johnson em um comunicado.

Cathy Scott, presidente da "Bíblia nas Escolas", disse que a doação representa milhares de indivíduos e grupos que entendem o valor das aulas sobre a Bíblia.

"Os benefícios de estudar a História da Bíblia vão além de simplesmente melhorar a compreensão da leitura, aumentar o vocabulário e aumentar a alfabetização cultural, muitas vezes promove decisões mais saudáveis, especificamente relacionadas à conduta e relacionamentos dos alunos", disse Scott em um comunicado. "Além disso, a História da Bíblia incentiva o pensamento divergente e crítico à medida que os alunos lutam com questões essenciais".

Este ano letivo, as aulas eletivas de História da Bíblia serão oferecidas em 23 escolas, o que significa que quase 80% dos estudantes do Ensino Fundamental e Médio do Condado de Hamilton terão acesso ao curso.

Os módulos disponíveis nessas aulas são: Gênesis, Êxodo, A Vida de Jesus, Inquérito do Antigo Testamento e Inquérito do Novo Testamento.

Guiame

Ex-funcionário do Facebook prevê “apocalipse digital”

Antônio se refugiou em uma ilha afastada para se proteger
Antonio García Martínez trabalhou por dois anos como gerente de produto do Facebook. Atualmente, decidiu deixar a vida tecnológica, foi para uma ilha no norte dos Estados Unidos e constrói um abrigo para se defender de um ‘apocalipse tecnológico’ que acredita estar vindo.

Ele morava na cidade de San Francisco, um dos polos da indústria tecnológica nos Estados Unidos, mas por acreditar que existirá uma catástrofe social daqui a alguns anos, decidiu mudar de vida.

Antonio afirma que o principal problema será a falta de empregos pela automação de atividades, o que ocasionará conflitos sociais. Martínez, então, não vê o futuro com bons olhos.

“Dentro de 30 anos, metade da humanidade não terá trabalho. E a coisa pode ficar feia, pode haver uma revolução. É por isso que estou aqui. Em San Francisco, eu vi como o mundo será daqui cinco a dez anos”, afirmou ele.

“Você pode não acreditar que está vindo, mas está – e tem a forma de um caminhão sem motorista prestes a te atropelar”, acrescentou Antonio García Martínez em entrevista a BBC.

O ex-executivo escolheu sua residência em um barco que se localiza na ilha de Orcas, no estado de Washington, perto da fronteira com o Canadá. Também possui terras na ilha e, atualmente, está a construir um abrigo caso haja necessidades futuramente.

Além da segurança estrutural, Martínez está armado com um fuzil AR-15 e diz que toda essa infraestrutura lhe garantiria uma segurança durante um tempo do caos. Ainda, escolheu o local por causa da posição remota e do fator estratégico de se posicionar perto da fronteira.

“Ninguém me conhece aqui. E dá para ir nadando ou de caiaque até o Canadá se a situação exigir”, contou. Também destacou, como vantagens, o clima e a fertilidade da terra.

Além de ter trabalhado no Facebook com marketing digital, Antonio desenvolveu uma start-up de anúncios digitais que, mais tarde, foi vendida para o Twitter. Martínez é doutor em Física pela Universidade da Califórnia.

Autor da obra Chaos Monkeys: Obscene Fortune and Random Failure in Silicon Valley, Antonio falou da sua experiência ao trabalhar no Facebook e suas outras atividades de investimento de start-ups.

GospelPrime

Filme sobre Edir Macedo será lançado em março de 2018

Nada a Perder será exibido em 80 países, marca inédita no cinema nacional
O filme que dará início a biografia do líder Edir Macedo nas telas de cinema tem lançamento marcado para o dia 1 de março de 2018. A obra, que já possui continuação confirmada, se baseará nos três livros da série Nada a Perder, best-sellers de Edir escritos por Douglas Tavolaro.

Ao contrário dos três livros, a abrangência dos filmes é mais modesta e as obras serão condensadas em duas produções audiovisuais, sob direção de vídeo de Alexandre Avancini e produção executiva de Tavolaro, que é vice-presidente de Jornalismo da TV Record e trabalhou em Os Dez Mandamentos.

De acordo com o jornalista Ricardo Feltrin, em sua coluna no UOL, cada filme possui um orçamento que está entre R$ 10 e R$ 15 milhões, mais de sete mil figurantes e atores de notoriedade nacional nos papéis mais relevantes.

Petrônio Gontijo, que também participou em Os Dez Mandamentos, interpreta Edir Macedo em idade adulta e será, assim, o protagonista da trama do líder da Igreja Universal do Reino de Deus (Iurd). A versão mirim será de responsabilidade do ator Enzo Barone.

Além de Petrônio, o elenco envolve nomes como Dalton Vigh (Pérola Negra, O Clone), André Gonçalves (Alma Gêmea, Caminho das Índias), Eduardo Galvão (Malhação, Paraíso Tropical), Beth Goulart (Vidas em Jogo, A Terra Prometida), além de mais 130 atores.

A produção é uma parceria entre a Record e a Paris Filmes e conta com um recorde histórico no cinema nacional antes mesmo de sua estreia. Cerca de 80 países, até o momento, fecharam acordo de exibição e distribuição.

Embora os dois filmes estejam sendo produzidos conjuntamente em locações distribuídas em cerca de cinco países, não há data de lançamento anunciada para a segunda obra.

Entre os locais os quais a produção está a ser gravada, estão cidades como Rio de Janeiro – onde Macedo iniciou seus trabalhos como pastor, juntamente ao então cunhado R. R. Soares – São Paulo e Johannesburgo, capital da África do Sul.

GospelPrime

Imigração de judeus brasileiros para Israel bate recordes históricos

Crise financeira é apenas um dos motivos
Um número cada vez maior de judeus brasileiros decidiu fazer a imigração para Israel. Entre os motivos estão as crises financeira e política, bem como o aumento da criminalidade das grandes cidades do Brasil.

Nos primeiros 4 meses deste ano, cerca de 300 brasileiros foram registrados pelo governo em Israel. Trata-se de um aumento de 40% em comparação com o mesmo período de 2016.

Estima-se que até o final do ano, serão cerca de 1.000 brasileiros. Trata-se do maior número desde a criação do Israel moderno, em 1948.

O cenário é um pouco diferente de 2016, que estabeleceu o recorde anterior, com 760 imigrantes registrados. Na verdade, a média anual de judeus brasileiros “voltando para casa” era de cerca de 150, até sete anos atrás.

O ritmo só aumenta nos últimos anos, a exemplo do que acontece em vários países como França e Ucrânia.

Atualmente, o Brasil ocupa o quinto lugar entre 85 países em número de imigrantes que fazem a aliá, termo hebraico que significa subida, procedimento que tem apoio do governo de Israel e garante a cidadania imediata. As maiores populações judaicas ainda saem de países como Rússia (7 mil imigrantes), Ucrânia (6 mil), França (4.700) e Estados Unidos (3 mil).

Os imigrantes, recebem apoio do governo israelense, incluindo aulas de hebraico, ajuda financeira, descontos na compra de carros e imóveis e um tipo de seguro desemprego.

A decisão é muito mais que a busca por uma “vida melhor”. Revital Poleg, representante da Agência Judaica no Brasil, explicou anteriormente que, entre os principais fatores estão a questão religiosa e o desejo de oferecer uma vida mais tranquila para suas famílias.

“Acho que muitos tinham essa ideia e a situação econômica apenas os empurrou a tomar essa decisão”, acredita Poleg. Contudo, muitos compreendem que existe uma motivação espiritual para que os judeus voltem para sua terra, relatadas nas profecias de Isaías (11:11-12) e Ezequiel (11:17)

Apesar da fama de Israel como país que enfrenta guerras e terrorismo, a violência urbana é mínima. Assaltos, roubos, sequestros ou casos de bala perdida são raros.

O número cada vez maior de brasileiros no país estimulou a criação da OlimMe Brasil, uma ONG de judeus brasileiros que já moram em Israel há alguns anos e que visa ajudar os recém-chegados na adaptação ao novo país.

A previsão da ONG é que o número de brasileiros fazendo a aliá cresça ainda mais nos próximos anos. No Brasil existem cerca de 120 mil judeus, a segunda maior comunidade da América Latina, logo atrás da Argentina. 

Com informações de RFI

Marcelo Rezende aparece mais magro em vídeo: ‘Altos e baixos’


O apresentador Marcelo Rezende (Reprodução/Instagram)
Afastado da televisão para tratar um câncer no pâncreas e no fígado, Marcelo Rezende apareceu mais magro em um vídeo que publicou em sua conta no Instagram, nesta terça-feira. 

“Cada momento que estou vivendo é um desafio. Tem horas que estou bem, tem horas que estou mal”, disse o apresentador do Cidade Alerta, da Record, em recado aos fãs.

“Quando estou mal, eu coloco minha cabeça em Deus”, ele continuou. “E eu tenho um objetivo. Na hora que eu superar, com a ajuda de Deus, tudo o que estou passando, eu sei o que vou fazer da minha vida, é ajudar cada vez mais aqueles que precisam, aqueles que não têm esperança, aqueles que buscam a cura e mostrar que o Espírito Santo está sempre presente na nossa vida.”




Veja

Pastor alerta cristãos sobre Game of Thrones: "Está repleto de sexo explícito"


O pastor é autor de livros como "Brecha em Nossa Santidade". (Foto: Reprodução).



O pastor Kevin DeYoung está preocupado com a reação de muitos cristãos sobre um seriado que é febre no mundo todo, Game of Thrones. Em um artigo publicado no site The Gospel Coalition, ele ressalta a importância de filtrar o que se vê e já inicia afirmando que tal problema não deveria parecer complicado, deixando claro que sua visão sobre a produção da HBO é clara.

“Eu não entendo cristãos que assistem Game of Thrones. Sempre que há um novo episódio, meu feed do Twitter transborda de pessoas falando sobre a série. Primeiro, eu fico espantado ao ver que muitas pessoas têm HBO. Mas em segundo lugar, e muito mais importante, fico espantado com o número de pessoas que respeito, pessoas inteligentes, cristãos sérios, bons pensadores conservadores, que estão assistindo a série”, iniciou.

“É verdade, eu não cheguei a assistir. Nenhum episódio. Nemuma cena. Não sei nada sobre essa série. Mas, eu sei que muitas pessoas consideram absolutamente fascinante, cheio de personagens convincentes, uma história cativante e excelentes atuações, escrita e estética”, ressaltou.

“Mas não é também cheia de sexo? Com muito, muito sexo incrivelmente explícito? Eu fiz uma pesquisa no Google por "Game of Thrones Sexo" e encontrei notícias (evitei as imagens, apenas li as manchetes) sobre cenas de sexo que você não pode deixar de ver e as melhores cenas de sexo da série. E é por isso que Game of Thrones é tão comentada, por explicitar sexo (às vezes até violento) com nudez”, pontuou.

Sensualidade
Kevin faz um alerta sobre a questão do que se vê. “Se não me engano, a série não deu uma guinada nos últimos meses. Percebo que a sensualidade - de natureza muito novelística - é uma parte importante da série. E ainda, um bom número de cristãos conservadores tratam ela como se fosse algo que realmente precisasse assistir. Eu não entendo”, colocou o pastor.

“Não vou repetir o que John Piper já escreveu. Suas ‘12 perguntas’ já valem a pena”, disse ele se referindo ao artigo “12 perguntas a se fazer antes de assistir Game of Thrones”, publicado em 2014, afirmando que os questionamentos respondidos por Piper valem não apenas para a série da HBO, mas para todas as opções de entretenimento.

“Eu só quero perguntar uma outra pergunta: O que alguém realmente acha quando Jesus advertiu sobre olhar para uma mulher com intenção impura, ou quando Paulo nos disse para evitar toda menção de imoralidade sexual? O mundo faz as coisas em segredo (Ef. 4: 3-12). Se isso não significa para você de alguma forma, vá em frente e assista homens e mulheres nus fingindo ter sexo”.

O seriado da HBO está em sua sétima temporada. (Foto: Reprodução).

Arte?
“Sei que algumas pessoas vão dizer que isso não é preocupante para sua consciência ou que é arte. Eles podem ver sem participar. Mas isso não muda o que a Bíblia diz sobre a importância da pureza e o poder do que se vê. O fato é que a nossa consciência deve ser destruída. Cenas de sexo picantes não são o tipo de arte para a qual podemos dar graças. É difícil imaginar Paul sendo legal com os crentes em Éfeso assistindo sexo”, colocou.

“Eu não espero que aqueles que são estranhos para a luz passe a se incomodar estando na escuridão. Mas para os cristãos conservadores que se preocupam com a imoralidade, casamento, decência em tantas outras áreas, é desconcertante que Game of Thrones receba um passe livre. ‘Então olhe com cuidado como você anda’, é a Palavra de Deus para todos nós. ‘Não como néscios, mas como sábios, fazendo o melhor uso do tempo, porque os dias são maus’ (Ef. 5: 15-16)”, finalizou.

Guiame

“Se preparem para a vinda de Jesus Cristo”, anuncia ex-presidente da Nigéria


Olusegun Obasanjo foi presidente da Nigéria entre 1999 e 2007. (Foto: Reprodução)



O ex-presidente da Nigéria, Olusegun Obasanjo, alertou sobre a segunda vinda de Jesus Cristo durante um discurso realizado em uma igreja no último sábado (12).

“Vocês precisam estar completamente preparados para a segunda vinda do nosso Senhor, não há acordo”, disse Obasanjo na Igreja Fé Apostólica Choir no estado de Ogun, na Nigéria.

Obasanjo, que foi presidente do país entre 1999 e 2007, aproveitou o momento de louvor para dizer que a adoração é uma indicação do que será o céu.

“Jesus Cristo veio ao mundo para nos mostrar o caminho para a salvação e para a vida eterna. Temos uma boa herança e temos tudo para nos orgulhar", disse ele, segundo a Agência de Notícias da Nigéria.

O político falou ainda sobre a situação do país africano e sua mudança diante da fé. “A Nigéria pode ser consertada por Deus, mas devemos convidá-Lo para as nossas vidas. O que temos que fazer com este país está em nossas mãos. A graça de Deus é abundante quando não abusamos dela”, afirmou.

A Nigéria tem sido marcada nos últimos anos por uma crise econômica provocada pelos conflitos contra o grupo terrorista Boko Haram, que tem assassinado tanto cristãos como muçulmanos.

Embora o governo tenha dito que o grupo extremista islâmico foi coagido no ano passado, o líder do grupo, Abubakar Shekau, ressurgiu para declarar que não há espaço para que os cristãos convivam com muçulmanos no país.

A imprensa nigeriana estima que a guerra contra o Boko Haram já resultou em pelo menos 20 mil vítimas desde seu início em 2009, tendo cristãos como principal alvo do grupo.

Adebayo Adeniran, superintendente distrital da Igreja Fé Apostólica na África Ocidental, aproveitou a reunião do último sábado para convocar os cidadãos a promover a convivência pacífica, independentemente das diferenças religiosas e políticas.

“Os ombros do nosso país serão elevados entre a cortesia das nações. Todos os nigerianos, independentemente da religião, devem orar pela ressurreição daquilo que a nossa nação perdeu”, declarou Adeniran.

“Os nigerianos devem permanecer pacientes diante da intolerância política e religiosa, da insegurança e das dificuldades econômicas. Deus nos fará triunfar sobre tudo isso”, disse ele.

Guiame

Policial recusa usar arma em serviço: “Deus dará o livramento”

Caso gerou processo administrativo no Espírito Santo
Um soldado da Polícia Militar que atua em Vila Velha, na Região Metropolitana de Vitória (ES), está sendo alvo de um processo administrativo interno ao se recusar a usar armas de fogo em qualquer situação.

Segundo ele, que disse expressamente sua recusa, é que com a sua fé cristã, “Deus o dará o livramento de situações extremas que o obriguem a tirar a vida ou agredir alguém”.

De acordo com A Gazeta, o caso virou um processo administrativo pelo fato do soldado ter sido questionado, em sindicância, caso estivesse numa situação interna ou interna que demandasse uso de arma de fogo. Sua resposta foi indecisa.

“Respondeu que não saberia dizer como iria reagir […] além de outras alegações causadoras de impedimento de empenho militar em atividades operacionais”, contém um trecho da sindicância, cuja reprodução foi publicada no Boletim Geral da PM número 37, na última sexta-feira (11), uma publicação interna.

O local de atuação do policial é na 5ª Companhia do 4º Batalhão da PM, que se localiza no bairro Aribiri, Vila Velha. O policiamento executado pelo batalhão compreende uma larga região da cidade que enfrenta tráfico de drogas e violência.

Com a sindicância que foi aberta em maio, foi transformado num Procedimento Administrativo Disciplinar de Rito Ordinário (PAD-RO). A ação pode gerar o afastamento do policial de suas atividades. Segundo o jornal, tudo começou com relatos de colegas sobre a recusa do policial em usar armas de fogo.

Por meio de uma nota da Polícia Militar, foi garantido que, no processo administrativo, o policial terá direito de defesa, tendo resguardadas todos os ritos legais e a ética profissional. Mesmo assim, a atitude do policial gera controvérsias.

O sargento Renato Martins Conceição, presidente da Associação dos Cabos e Soldados, discordou da ação do policial processado. “Claro que a arma é o último recurso, mas tem hora que ela não defende só a própria vida, mas também do companheiro de trabalho e do cidadão”.

“Não dá para consentir que o policial trabalhe no serviço operacional desarmado. Não dá para aceitar isso. Se ele for associado, ele vai ter a assessoria, mesmo para dizer que o que ele quer é indefensável”, acrescentou.

O sargento Conceição também disse que o uso da arma é previsto desde o momento em que o policial faz o concurso público. “É a primeira vez que vejo isso. Só ouvi isso no passado, história de policiais que usavam a arma sem munição. Mas era lenda urbana. A arma de fogo é necessária”.

GospelPrime

10 Dicas das celebridades para ter um cabelo perfeito

A nossa intenção é mostrar como ter o cabelo perfeito. Se todos pudessem der sempre ao seu dispor um cabeleireiro renomado como as celebridades para manter o cabelo impecável.

Para nossa surpresa o efeito do salão não é duradouro, por isso devemos manter cuidados diários se quisermos manter um cabelo sedoso, esse é o segredo das celebridades.

Aqui estão 10 dicas das celebridades Gisele Bündchen, Anitta, Adriana Lima, Megan Fox, Scarlett Johansson, Selena Gomes e Kim Kardashia de cuidados com o cabelo.

1 – Manter os cabelos penteados
Você quer que o cabelo cresça rápido? Então deve manter o seu cabelo sempre bem penteado, sem nós. Um truque muito simples, e que realmente não custa nada para ter o cabelo saudável e bonito.

Mantenha penteado ou escovado pelo menos 3 vezes por dia, sempre antes de dormir você deve pentear. Isso estimula a circulação sanguínea no couro cabeludo, permitindo que o cabelo cresça mais forte e saudável.

2 - Lavar com água fria e mineral
Não esqueça: o cabelo deve ser lavado com água fria moderada ou, na melhor das hipóteses, morna e prefira agua filtrada ou mineral na ultima lavagem. Não estou dizendo para tomar um banho na água fria, mas somente enxaguar o cabelo. Isso manterá o seu cabelo mais hidratado e fará com que cresça com mais facilidade. A água fria, sela as cutículas do cabelo, o que deixa o cabelo com brilho e
hidratação profunda. Sem falar que também controla a queda.

3 - Use primeiro condicionador
Outro truque para dar brilho ao cabelo? Inverter a ordem na lavagem; primeiro aplique o condicionador e depois o shampoo. Parece loucura, mas funciona. Isso permite que o cabelo fique mais hidratado e melhora as cutículas do cabelo, mantendo-as fechadas. O resultado? Brilho e suavidade. No enxugamento final você pode colocar algumas gotas de limão, para ter um brilho ainda mais perceptível.

4 - Não exagerem no uso de chapinha e secador
A exposição constante ao calor no couro cabeludo deixa o cabelo seco, que a curto ou longo prazo deixa-o com uma aparência opaca e sem vida. Por isso, é importante não se tornar viciado no secador.
Quando usar, use com vapor frio, para que não prejudique muito os cabelos. Quer um conselho? Tente usar secadores iônicos, que são inofensivos. O mesmo vale para chapinhas: não use todos os dias e tente ser não usar muito quente, enquanto você usa, ele literalmente queima os fios de cabelo.
Idealmente aplicar soro ou creme de cabelo de proteção antes de expor ao calor.

5 - Não lavar o cabelo todos os dias
O debate sobre quantas vezes você deve lavar o cabelo permanecerá levantada para todo o sempre.
No entanto, exceto que você tenha cabelo muito oleoso, não deve lavar todos os dias.
Se você tem cabelos secos, lavar todos os dias aumenta a secura, e se você tem oleosidade, ele vai se tornar mais dependente de lavagem para parecer limpo.

6 - Remover nós
Como são irritantes esses nós nos cabelos! O cabelo cheio de nós não tem aparência de um cabelo bonito e também torna impossível fazer qualquer penteado. Um truque para remover os nós de cabelo facilmente? Você deve colocar um pouco de óleo de azeite, óleo de jojoba ou de coco em suas mãos e molhar para cobrir completamente. Espere 20 minutos e você vai conseguir desembaraçar com os dedos, sem causar ruptura.

7 - Aplique uma máscara
Existem milhares de máscaras capilares caseiras que proporcionam excelentes resultados, com a vantagem de que estamos cuidando de nosso cabelo com produtos naturais e econômicos.
Um dos que recomendo é a máscara com mel, ovos e azeite: Misture o ovo com um pouco de mel. Adicione a mistura a um recipiente com azeite. Depois de lavar o cabelo com shampoo e enxaguar com água, como você sempre faz, aplique a máscara. Massageie generosamente o couro cabeludo por alguns minutos e deixe a máscara por meia hora para entrar em vigor. Depois lave bem com água fria. Aplique essa máscara uma vez a cada duas semanas, e desfrute de um cabelo mais hidratado, macio e brilhante.

8 - Corte as pontas
Cortes de cabelos não faz com que eles cresçam mais rápido, mas mantém um cabelo com uma boa aparência. De qualquer forma, isso é necessário para que o cabelo cresça de forma saudável, e também tem uma aparência mais bonita e cuidada.

9 - Cuidado com tinturas no cabelo
Não abuse de tinturas, ou tratamento com produtos químicos. Eles são um agente estranho no cabelo, não natural para o cabelo e pode danificá-lo. Certifique-se de que os produtos que você usa são de boa qualidade. E também proteja o seu cabelo do cloro da piscina, banhos de sol na praia com
um chapéu cobrindo-o.

10 - Siga uma dieta equilibrada
Para terminar esta lista, separamos uma dica que não é muito citada nos cuidados cosméticos para o cabelo. Mas não deixa de ser uma dica importante ou até mesmo a mais importante.

Meninas, para ter o cabelo perfeito, temos de começar com o básico: uma dieta saudável. Devemos comer muitos vegetais, frutas, peixes, nozes, produtos lácteos e beber bastante de água. Uma dieta saudável nos dá todos os nutrientes que precisamos para nos manter saudável, da cabeça aos pés.
E quando estamos saudáveis por dentro ​​nosso corpo e cabelo mostram isso por fora.

Para conseguir a receita caseira passo a passo grátis, entre no seu navegador e digite beleza.blog.br está na matéria: remédio natural para queda de cabelo são 7 receitas caseiras grátis.

Veja no vídeo super remédio caseiro para queda de cabelo (grátis):



Por Rosi Feliciano


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...