Um intruso na maior festa de aniversário do mundo

Imagine no dia de seu aniversário, alguém que nunca existiu tomar teu lugar? Triste não?
Pois bem, é exatamente isto que acontece nos dias de hoje o tal velhinho que todos conhecem como Noel, tem sido o protagonista principal de uma festa que nunca lhe pertenceu. Cada vez mais o aniversariante JESUS tem sido deixado de lado, nem mesmo no dia que comemoramos o seu nascimento, não recebe as honras que deveria.

Outro dia entrei em um “Shopping bem famoso na Zona Norte do Rio”, e me deparei com um presépio que a administração daquele Shopping chamava de natalino. Na verdade aquele presépio todo enfeitado de luzes coloridas e neve não tinha nada a ver com o aniversário nem tão pouco com o aniversariante que mudou a história de nossa humanidade.

Uma determinada marca de refrigerante de cola era a principal patrocinadora disso que a mídia chama de “natal”. Encontrei de tudo neste presépio, tinha: Renas, Vacas, fogão a lenha, anões e outras bugigangas a mais. 

Me dirigi a moça que era como um tipo de guia turístico e perguntei pra ela: O que representa tudo isso? Ela espantada olhou pra mim e respondeu: Natal! Bam! Eu mais uma vez retruquei: Como Natal? Cadê JESUS? Cadê pelo menos os Magos? Cadê Maria, o jumentinho onde foi parar José?

Ela respondeu: Senhor! A empresa patrocinadora deste grande evento não permite nem uma manifestação de crença, ou fé ou religião, pois são muitos turistas que vem assistir nossa apresentação que não são da FÉ cristã. Eu como cristão e com cara de espanto respondi:
– Não querendo ser chato, mas já sendo, a senhora não acha uma injustiça ou mesmo uma hipocrisia dizer que isso é Natal? Pois não podemos se quer citar o nome do aniversariante ou ver, ou ler algo sobre seu nascimento?
– Ela então respondeu bem baixinho... É senhor entendo, estou trabalhando e sou paga pra isto, mas eu gostaria de manifestar também minha indignação. Sou cristã e não posso aqui falar de JESUS.
Meus queridos amigos e irmãos, em Cristo não me conformo com toda essa festa que a chamam de “NATAL” mas vemos apenas puro meio oportunista comercial.

Natal é nascimento, Natal é alegria, Natal é Boas Novas, Natal é Salvação, Natal é Luz, pois quando JESUS nasceu aqueles que estavam na escuridão viu de fato a verdadeira LUZ: JESUS. 

Para alguns seguimentos ou “denominações” cristã protestante, é até preferível ficar de fora dessa comemoração do dia 25 de Dezembro, por dois motivos: 1º Por não ter sido em Dezembro o nascimento de JESUS. 2º Porque esta festa comemorada não é uma festa cristã e sim pagã. 

Em certo ponto, concordo que JESUS não nasceu em 25 de Dezembro, também que essa manifestação está deturpada, mesclada de paganismo. Mas como cristão maduro e sensato vejo uma grande oportunidade de evangelismo, vejo que podemos também manifestar diante de todos, já que o mundo se volta a esta data, de demonstrarmos gratidão para com o nosso DEUS por ter enviado seu único filho a este mundo. João 3:15.

Não vejo problema algum comemorar o nascimento de nosso Salvador, contanto que use esse momento de tanta generosidade de alguns para explicar de fato o verdadeiro sentido do NATAL. Nunca foi nem será pecado separarmos um dia, seja 25 de Dezembro ou outra data que de fato fosse o aniversário de alguém que veio ao mundo para nos resgatar das trevas para sua maravilhosa LUZ.

Lembre-se sempre, NATAL SEMPRE DE JESUS. Ele é o centro de tudo, toda honra, toda GLÓRIA seja tributada ao Senhor, o nosso Messias, o enviado de DEUS.


GLÓRIAS A DEUS NAS ALTURAS, PAZ NA TERRA AOS HOMENS DE BOA VONTADE.

Que o Senhor JESUS, nasça todos os dias em nossas vidas, FELIZ RENASCIMENTO.

Pb. Josiel Dias

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...