Missionário canta sobre Jesus em árabe e é libertado na Síria

Os milicianos riam e aplaudiram o talento do jovem cristão e resolveram soltá-lo
O testemunho do missionário David Johnson, 34 anos, impressiona os ouvintes: ele foi sequestrado por extremistas muçulmanos na Síria, mas foi libertado por cantar canções em árabe falando sobre a ressurreição de Jesus.

O caso acontece há três anos, ele servia em um monastério persa carmelita localizado em Qara. Natural de Colorado (Estados Unidos), o jovem resolveu saldar um grupo de milicianos que passava na frente do mosteiro.

Os homens pararam e resolveram saber quem havia lhes saudado, ao perceberem que era um americano, sequestraram o missionário acreditando que ele era um espião.

“Minha comunidade, em vez de entrar em pânico, foi à igreja e começaram a liturgia. Começaram a rezar, fizeram uma missa. Eu estava nas mãos de Deus e não sentia medo”, testemunhou ele ao Grupo ACI em Denver.

Johnson conseguiu conquistar os milicianos cantando em árabe uma canção que falava sobre a ressurreição de Cristo. “Eles me diziam que nunca tinham escutado isso antes e me pediam que cantasse novamente. Sendo assim cantei outra vez ‘Cristo ressuscitou dentre os mortos vencendo a morte e difundindo a vida entre as tumbas’”, lembra.

Os sequestradores riam e aplaudiam a apresentação do missionário e resolveram o levar para cantar para os outros integrantes da milícia. “Abriram as portas do seu acampamento e me obrigaram a cantar sobre a ressurreição a um grupo de soldados… e começaram a aplaudir! Pensei que era um sonho, que estava em uma realidade alternativa!”, disse Johnson que foi libertado do cativeiro.

O missionário sabe que o fato de saber a língua lhe ajudou a ser solto, mas ele afirma que foram as orações dos irmãos do mosteiro que o fizeram ser liberado com vida. 

Com informações Catholicus

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...