Ateus assistem "Os Dez Mandamentos" e apoiam abordagem de novos temas nos cinemas

Apesar da abordagem religiosa e romanceada de uma história bíblica, o filme Os Dez Mandamentos tem atraído público de outras religiões e até mesmo ateus.

O cantor Ariston Robert Yoshida, de Itaberaba (BA), comenta que acompanhou o desenrolar da trama na TV com muito entusiasmo. Para ele, a motivação de assistir a novela surgiu principalmente da qualidade apresentada nos efeitos especiais.

— Inicialmente, foi o que me prendeu. Os efeitos foram show de bola e me surpreenderam. Nunca tinha visto isso antes na TV brasileira.

Embora não siga uma religião, Yoshida diz conhecer as histórias bíblicas. Por isso, ele também aprovou a abordagem de Os Dez Mandamentos.

— Tudo que eu vi no cinema e na TV, considerei bem próximo do livro sagrado. Mas independente disso, a história é forte e interessante. Prende a atenção de qualquer pessoa.

O servidor público federal Anderson Cleiton, de Brasília, ressaltou que o principal mérito de Os Dez Mandamentos foi ter quebrado a hegemonia da Globo Filmes nos cinemas e criado uma alternativa às comédias da produtora.

— Além do mais, é um bom espetáculo de entretenimento.

Fã de heavy metal e ateu, Anderson também concorda que explorar novas histórias, independente do tema, só enriquece o cinema nacional.

— Não dá para o nosso cinema ser monotemático ou ter uma padronização nas produções. Vejo esse sucesso como uma abertura democrática para outros assuntos serem explorados nas telonas.

Fonte: R7

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...