Cristãos sírios continuam a pedir orações mesmo após dezenove sequestrados serem libertados

Estima-se que mais de duzentas pessoas continuam sob poder do EI
Recentemente pedimos oração pela situação que estava ocorrendo no nordeste da Síria envolvendo o sequestro de um grande número de cristãos assírios pelos militantes do Daesh ("Estado islâmico").

Nos sentimos um pouco aliviados ao informar que 19 dos reféns foram libertados no dia 01 de março. No entanto, grande preocupação permanece pelos tantos outros, atualmente estimados em mais de duzentos, que ainda se encontram em poder do EI.

Os 19 que foram libertados foram levados de ônibus até a Igreja de Nossa Senhora em Hassaka. A maioria são homens, e todos parecem ter mais de 50 anos de idade. Há especulações de que um tribunal islâmico ordenou a libertação deles depois de pagamentos de resgates' em nome deles.

Os sequestros começaram por volta das 4h do dia 23 de fevereiro, quando o EI lançou uma ofensiva em uma frente de 40 km ao longo do rio Khabour em Hassaka Governatorato – uma área onde existem cerca de 35 aldeias de maioria cristã.

Acredita-se que os cristãos sequestrados estejam detidos em Mount Abdelaziz, uma área nas proximidades, que está sob controle do Daesh.

Nos dias seguintes à ofensiva, todas as fontes aumentaram suas estimativas iniciais de quantos foram sequestrados e quantos haviam fugido de suas aldeias. A maioria das fontes afirma que o número de sequestrados ultrapassa 200.

Um representante da Igreja Assíria do Oriente informou que 51 famílias não conseguiram fugir de Tal-Shamiram e teme-se terem sido também sequestradas, além de mais de 100 pessoas de outra aldeias.

Ele observou que se espera que o número de famílias que fugiram possa chegar a 1.200. Pelo menos 15 mortes foram relatadas, principalmente entre os combatentes que lutam ao lado das milícias assírias curdas em defesa de suas áreas/propriedades.

Líderes assírios e sírios da Igreja têm apelado à comunidade internacional no intuito de redobrar os esforços para parar a matança e a fuga sistemática dos cristãos, e para promover uma solução pacífica na região.

Os cristãos sírios pedem nossas contínuas orações para que:

* Os sequestrados reconheçam a presença e a proteção de Jesus e sejam libertados em breve;

* Aqueles que tiveram de fugir de suas casas experimentem o cuidado e provisão do Pai e possam regressar às suas aldeias em breve;

* Os libertados recebam o conforto após terem passado por essa provação;

* Cesse a violência, a paz seja restaurada e a clara regra da lei seja aplicada de forma igual para todos na Síria;

* Os responsáveis pelos raptos tenham convicção do pecado, busquem o perdão do Pai e encontrem uma nova vida no Filho de Deus.

CpadNews´Portas Abertas

Um comentário:


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...