Você gosta do WhatsApp? Veja como ganhar dinheiro com essa ferramenta.

É difícil encontrar alguém que não use o WhatsApp hoje em dia. Mas, a maioria de nós apenas joga conversa fora, sem imaginar que a plataforma poderia ser uma ferramente eficaz para ganhar uma graninha extra.

O aplicativo pode ser usado para você manter uma rede de contatos profissionais, o conhecido networking. Além disso, ele é um potente aliado para comerciantes e autônomos, tanto para divulgar serviços e produtos, como para negociá-los e vendê-los.

Um exemplo: se você se tornar consultora de alguma marca para complementar a renda, pode usar o WhatsApp para turbinar as vendas e ganhar clientes fiéis.

“São inúmeras as vantagens que o WhatsApp trouxe para mim. Como não possuo um site, ele serve como um canal direto entre os clientes e eu, além de facilitar possíveis desentendimentos e tirar dúvidas”, conta a empresária Ana Paula Lima de Alcântara, dona da marca de roupas Manalí Store. Em sua opinião, as vendas aumentaram depois de usar o aplicativo com esse objetivo.

“Outra vantagem do WhatsApp é a multiplicação da mensagem. Você envia para milhares de pessoas e estas ainda podem compartilhar seu post com amigos, aumentando muito a visibilidade do seu anúncio”, defende Luiz Benjamim, CEO da SallApp, empresa especializada em maketing mobile.

Veja abaixo como ganhar dinheiro extra usando o WhatsApp:

Tenha sua agenda atualizada
A organização é a base do negócio. Não deixe números ‘soltos’ na sua lista de contatos. Salve o nome ou alguma descrição que faça você lembrar quem é aquele cliente. Uma das vantagens do WhatsApp é que ele possui um ícone que te mostra quais números têm o aplicativo em seu celular.

Faça contatos
É importante para o vendedor se colocar sempre à disposição do cliente. Mostrar-se atento aos pedidos e dúvidas do consumidor, sempre perguntando se ele precisa de algo. Outro ponto a ser destacado é a pontualidade nas respostas. Fique atento para não gerar impaciência aos clientes.

Lembre-se também que o WhatsApp é uma rede de relacionamentos, ou seja, é preciso desenvolver uma relação com os usuários. “Antes de tudo se apresente, dê boas-vindas ao cliente e crie um relacionamento. 

Até porque, dessa forma, conhece melhor a pessoa, vê se ela responde às mensagens, se é de fato cliente em potencial. Só depois de criada uma relação mande seu produto ou fale de seu serviço de forma mais clara”, aconselha Luiz Benjamim.

Ofereça seu serviço ou produto pelo aplicativo
O WhatsApp é um excelente meio de compartilhamento de fotos, vídeos, documentos e até localização. Use isso a seu favor. Nem sempre o cliente tem tempo de atender ligações ou responder e-mails. É uma forma de contato que acaba facilitando todo o processo de venda, afinal, ele vê seu produto assim que clica na mensagem no app.

É importante, no entanto, não ser muito agressivo na hora de tentar vender seus produtos – e se lembrar que ninguém quer ficar lendo longos textos, excessivamente “marqueteiros”.

“Recomendamos textos curtos, diretos e, claro, mais informais, já que o WhatsApp é uma plataforma informal”, aconselha Luiz Benjamim. E não se esqueça de fotos e vídeos. 

“Uma foto é vista em menos de um segundo, ou seja, você passa a imagem mais rapidamente. Vídeos também fazem sucesso, desde que curtos e atrativos”, complementa Benjamim.

Não esqueça de outras redes sociais
Sim, o WhatsApp é muito eficaz na tarefa de se comunicar com o cliente. Mas hoje em dia, são raros os casos de pessoas que possuem somente um meio de comunicação. Usá-lo em conjunto com outras redes sociais, como Facebook, Twitter e Instagram, fará seu leque de vendas aumentar muito.

Faça o chamado “Follow up”
“Follow up” (pronuncia-se fólou ap) é um termo em inglês muito usado no ramo comercial. Significa, basicamente, fazer um acompanhamento da compra e, em especial, do consumidor. Ou seja, você vende o produto e depois de um certo tempo busca saber se o cliente está satisfeito com a compra.

Esse passo é importante pois serve como retorno para saber como estão seus negócios, e também para estender laços comerciais. “Acompanhando os dados você conhece melhor cada cliente e sabe o que funciona com a pessoa, o que facilita a venda e o relacionamento”, finaliza Benjamim.

Brasil Post

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...