"Quem diz que o islã é pacífico, não o investigou a fundo", diz ex-muçulmano

Os recentes atentados em Paris e os ataques aéreos executados por países como França, Estados Unidos e Rússia contra a Síria têm colocado o islamismo e seus fundamentos em debate com uma frequência cada vez maior.

Nabeel Qureshi é um escritor que nasceu no estado da Califórnia, mas foi criado em um lar muçulmano e que relata suas descobertas sobre o islamismo, depois que decidiu estudar o próprio Corão e as tradições do islã mais a fundo.

Diante das ações que comprovam uma clara perseguição religiosa, promovida pelo Estado Islâmico aos cristãos e tantas outras minorias existentes no Oriente Médio, pessoas em todo o mundo têm se questionado: até que ponto este e outros grupos terroristas que confessam a fé muçulmana seguem de fato o islã?

Durante uma de suas pregações na igreja norte-americana 'Christ Community', o escritor - ex-muçulmano, convertido ao cristianismo - Nabeel Qureshi compartilhou um pouco de sua vivência dentro do islamismo e as descobertas que acabou fazendo, após se propor a estudar a fundo a religião que ele mesmo confessava e que moldou a cultura em que ele nasceu.

"Existem pessoas como as do grupo ao qual eu pertencia no islã, que dizem que esta é uma religião de paz. O slogan do nosso grupo no islã era: 'Amor para todos, ódio para ninguém'. [...] Quando eu vi [os ataques de] 11 de setembro acontecendo e aqueles prédios sendo derrubados, minha resposta foi: 'Como isso pôde acontecer em nome da minha fé?", relatou Nabeel, que é nascido na Califórnia, mas foi criado por pais muçulmanos.

"Foi a partir deste momento que passa a investigar esse assunto a fundo. Comecei a conversar com amigos e eles me disseram: 'Existem capítulos no Corão que são bastante violentos, como por exemplo o capítulo 9:5".

Nabeel continua seu testemunho, afirmando que depois que começou a estudar o Corão e a cultura do islã mais a fundo, descobriu a jihad é de fato prevista e até mesmo 'justificada' no livro sagrado dos muçulmanos.

"Quando comecei a investigar, realmente acreditava que o contexto eram todos de batalhas defensivas no Corão. Mas quanto mais eu investigava, mais eu percebia que simplesmente não era o caso. O capítulo 9 do Corão é o mais violento. Fala sobre o arrependimento. É o mesmo capítulo que diz: 'Combatei os judeus e cristãos, até que eles paguem, humilhados, o tributo (9:29)", alertou.

Clique no vídeo abaixo para conferir o relato completo:



guiame

Um comentário:

  1. Olá


    Quero te encorajar a continuar seu trabalho atraves deste blog, que já estamos seguindo!


    Meu nome é Edinelson Lopes, sou coordenador de evangelismo do ministério Fogo para Missões, um ministério cristão de evangelismo e discipulado. Quero te convidar a conhecer o BlogFpM, e principalmente o projeto #TempodeOração, 360 dias de oração por missões.

    A internet continua sendo um excelente canal para promovermos o evangelho, mas é preciso que este trabalho seja feito no SENHOR, assim estamos à disposição para lhe servir, não apenas com nossas publicações, comentários ou lhe seguindo, mas principalmente orando, pois as pessoas que nos leem são reais, e alcançá-las só é possível no poder do Espírito.



    Esteja à vontade para nos visitar e nos seguir se desejar, seus comentários são importantes para nós

    , mas principalmente quero te encorajar a participar e promover o projeto #TempodeOração. Breve estaremos disponibilizando o Calendário de Oração 2016, venha com a gente!

    + Santidade
    + Serviço
    + Salvação

    Edinelson Lopes

    BLOG FOGO PARA MISSÕES

    ResponderExcluir

500 Anos


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tags

(798) Cristãos Perseguidos (563) Cristãos (522) Bíblia (493) Intolerância Religiosa (365) Israel (349) Evangélicos (304) igreja (264) Reflexão (247) apocalipse (196) oração (191) Homosexualismo (177) catolicismo (156) Rede Record (150) homofobia (147) Irã (141) escatologia (132) Missões (131) Evento Gospel (128) Silas Malafaia (126) pecado (124) islan (114) Política (113) judeus (113) ateus (111) Milagres (107) Aborto (106) Religião (105) Natal (102) Criança (92) Ahmadinejad (91) esporte (91) Testemunho (88) globo (77) guerra (73) Perdão (72) Salvação (72) Morte (64) pastores (64) Aline Barros (59) Religiosidade (56) Yousef Nadarkhani (56) PL122 (55) Amor (53) adoração (48) heresia (48) Drogas (43) Prosperidade (42) festival promessas (41) Apostasia (39) Judaísmo (39) Thalles Roberto (39) campina grande (39) Idolatria (38) carnaval (37) Estados Unidos (34) mulçumanos (34) Família (33) Maconha (31) adoradores (29) Shows (28) Catástrofes (26) Hipocrisia (26) Páscoa (22) esperança (22) Mentira (20) Pornografia (20) Confiança (19) Alegria (18) Nasa (18) DIP (17) Oriente Médio (17) Suicídio (17) Paz (16) Rei David (16) adversidade (16) consciência cristã (16) BAND (15) Conforto (15) Pena de Morte (15) Promessa (15) Sofrimento (14) BBB (12) Graça (12) Tatuagem (12) benção (12) dia das mães (12) obediência (12) Justin Bieber (11) impureza (11) Ansiedade (10) Rio +20 (10) livro (10) masturbação (10) Catástrofe (9) Desobediência (9) Filho pródigo (9) Perlla (9) livre arbítrio (9) Jotta A (8) Pedro Leonardo (8) Whitiney Houston (8) filho de crente (8) sony music (8) Darwin (7) Eutanásia (7) Hackers (7) Perigo (7) Senadores (7) União (7) presença de Deus (7) Perfeição (6) cura pela palavra (6) Purgatório (5) alienígenas (5) lei da palmada (5) Aline Barros mostra sua filha (4) Cegueira Espiritual (4) Kaka (4) escolhas (4) texto e contexto (4) torá (4) vasco (4) vigilância (4) Gratidão (3) Pressa (3) Ressentimento (3) Segurança (3) Semeadura (3) Sodomia (3) o Caminho (3) servos (3) Cristo Redentor 80º aniversário (2) Guinnes Wolrd Records (2) Harold Camping (2) Impossiveis (2) Sonho de infância (2) mundial da juventude (2) Flórida (1) Galardão (1) Michel Teló (1) Redenção (1) impios (1) recall (1) vingadores (1)

Uma Reflexão sobre a Crise no Brasil