Vídeo pró-aborto diz que Jesus não nasceu de uma virgem e pastor responde; assista

Ao ter ciência do vídeo "Meu Corpo, Minhas Regras", o pastor gaúcho Jackson Jacques decidiu dar uma resposta à campanha, explicando que não há qualquer erro de tradução, quando a Bíblia fala no nascimento de Jesus Cristo, vindo de uma virgem.

Lançado nas mídias sociais na última terça-feira (3), com a participação de diversos atores globais, um vídeo pró-aborto afirma que Jesus não nasceu realmente de uma mulher virgem.

Intitulado "Meu Corpo, Minhas Regras", o vídeo traz um texto que sugere que a discussão sobre o aborto ou até mesmo o desejo de abortar já existia nos tempos bíblicos e que Maria (mãe de Jesus) teria o direito de tomar esta decisão.

"Falar de gravidez é um tabu milenar. Contam como se tudo fosse maravilhoso, cor-de-rosa, sublime. Isto vem desde Nossa Senhora, que engravidou virgem. Uma gravidez sem sexo, sem corpo, sem desejo, sem medo... Sem sexo? Esse lance de virgindade? Erro de tradução. Do hebraico para o grego ou do aramaico para o hinduíta...", diz parte do texto, declamado pelo conjunto de atores, como Alexandre Borges, Bruna Linsmeyer, Bárbara Paz e Julia Lemmertz.

O vídeo gerou a reação de diversos militantes pró-vida no Brasil, como no caso da psicóloga cristã, Marisa Lobo, que divulgou uma petição online, com uma nota de repúdio à iniciativa da campanha "Meu Corpo, Minhas Regras", além de diversos usuários do Youtube, que criticaram o vídeo em seus comentários.

"Aproveitando, assistam e comentem também os vídeos da Planned Parenthood que vazaram nos EUA. Vai ficar lindo", comentou um dos internautas, fazendo referência ao escândalo de venda de órgãos / tecidos de bebês abortados, envolvendo a maior instituição responsável por procedimentos de interrupção da gravidez nos EUA.

"Desafio os atores a fazerem um vídeo equivalente sobre o que eles acham do Islamismo, do profeta Maomé, de sua esposa, e de como são tratadas as mulheres pelos muçulmanos. Não esqueçam de colocarem legendas em inglês, francês e árabe. Assim realmente saberemos que são corajosos em abordar temas polêmicos e não têm medo de qualquer retaliação", comentou outro internauta.

Jackson Jaques e a resposta bíblica
Ao ter ciência do vídeo, o pastor gaúcho Jackson Jacques decidiu dar uma resposta ao vídeo, explicando que não há qualquer erro de tradução, quando a Bíblia fala no nascimento de Jesus Cristo, vindo de uma virgem.

Citando e lendo as passagens de Isaías 7:14 e Mateus 1:23 (que citam a mesma profecia sobre o Cristo, nascido de uma virgem), o teólogo explicou o sentido da palavra hebraica 'Almah' - que em uma tradução literal quer dizer 'jovem' - e o contexto em que ela é usada nos escritos originais, posteriormente traduzidos para o grego.

"Sempre que a Bíblia usa a palavra 'Almah', está se referindo sim a uma virgem. A palavra 'Bethulah' se entende que toda moça em Israel é virgem. O termo usado para quando ela é nova é 'Almah', porque seria uma redundância dizer que ela é virgem", afirmou.

Jackson ainda ressalta que toda a história de Jesus Cristo envolve o sobrenatural e o cumprimento de profecias.

"Ele entrou no mundo de forma distinta dos homens e Ele sai do mundo de forma distinta dos homens. Deus se faz homem, vem a esse mundo, entra de forma distinta, por intermédio de uma virgem e sai de forma gloriosa, ressurreta. Ele ressuscita, fica mais 40 dias com os discípulos e depois sobe aos céus. Como testemunhas disso, nós temos milhares e milhares de pessoas da igreja do Primeiro Século", destacou.

Clique no vídeo abaixo para assistir:



Guiame

0 comentários:

Postar um comentário

500 Anos


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tags

(798) Cristãos Perseguidos (564) Cristãos (522) Bíblia (493) Intolerância Religiosa (365) Israel (350) Evangélicos (304) igreja (264) Reflexão (247) apocalipse (196) oração (191) Homosexualismo (177) catolicismo (156) Rede Record (150) homofobia (147) Irã (141) escatologia (132) Missões (131) Evento Gospel (128) Silas Malafaia (126) pecado (124) islan (114) Política (113) judeus (113) ateus (111) Milagres (107) Aborto (106) Religião (105) Natal (102) Criança (92) Ahmadinejad (91) esporte (91) Testemunho (88) globo (77) guerra (73) Perdão (72) Salvação (72) Morte (64) pastores (64) Aline Barros (59) Religiosidade (56) Yousef Nadarkhani (56) PL122 (55) Amor (53) adoração (48) heresia (48) Drogas (43) Prosperidade (42) festival promessas (41) Apostasia (39) Judaísmo (39) Thalles Roberto (39) campina grande (39) Idolatria (38) carnaval (37) Estados Unidos (34) mulçumanos (34) Família (33) Maconha (31) adoradores (29) Shows (28) Catástrofes (26) Hipocrisia (26) Páscoa (22) esperança (22) Mentira (20) Pornografia (20) Confiança (19) Alegria (18) Nasa (18) DIP (17) Oriente Médio (17) Suicídio (17) Paz (16) Rei David (16) adversidade (16) consciência cristã (16) BAND (15) Conforto (15) Pena de Morte (15) Promessa (15) Sofrimento (14) BBB (12) Graça (12) Tatuagem (12) benção (12) dia das mães (12) obediência (12) Justin Bieber (11) impureza (11) Ansiedade (10) Rio +20 (10) livro (10) masturbação (10) Catástrofe (9) Desobediência (9) Filho pródigo (9) Perlla (9) livre arbítrio (9) Jotta A (8) Pedro Leonardo (8) Whitiney Houston (8) filho de crente (8) sony music (8) Darwin (7) Eutanásia (7) Hackers (7) Perigo (7) Senadores (7) União (7) presença de Deus (7) Perfeição (6) cura pela palavra (6) Purgatório (5) alienígenas (5) lei da palmada (5) Aline Barros mostra sua filha (4) Cegueira Espiritual (4) Kaka (4) escolhas (4) texto e contexto (4) torá (4) vasco (4) vigilância (4) Gratidão (3) Pressa (3) Ressentimento (3) Segurança (3) Semeadura (3) Sodomia (3) o Caminho (3) servos (3) Cristo Redentor 80º aniversário (2) Guinnes Wolrd Records (2) Harold Camping (2) Impossiveis (2) Sonho de infância (2) mundial da juventude (2) Flórida (1) Galardão (1) Michel Teló (1) Redenção (1) impios (1) recall (1) vingadores (1)

Uma Reflexão sobre a Crise no Brasil