Livres... Ou Não?

 "Se, pois, o Filho vos libertar,
verdadeiramente sereis livres" (João 8:36).
Peter Yakovlevich Vins escreveu à sua família da prisão russa, em 1936. Ele lhes pediu que orassem para que tivesse poder do alto para ser uma testemunha fiel de Cristo. Em sua carta, ele conclui com a seguinte declaração: "é melhor estar com Ele na prisão do que em liberdade sem Ele."

Sempre é melhor estar com Cristo. Em qualquer lugar ou em qualquer situação, a presença do Senhor junto a nós faz toda a diferença. Com Ele somos tudo e temos tudo. Sem Ele não somos nada e não temos nada.

A verdadeira liberdade é aquela que nos proporciona alegria e felicidade. E esta liberdade encontramos na pessoa do nosso Senhor e Salvador. Com Ele sabemos onde estamos e para onde vamos. Com Ele podemos sorrir e cantar, podemos amar e ter esperanças, podemos ser bênção e abençoar.

Eu quero estar preso a Ele, caminhar em Sua presença, fazer a Sua vontade e seguir o Seu comando. Só assim serei completamente livre, só assim poderei testemunhar da liberdade de ter uma vida abundante, só assim estarei livre dos enganos do mundo e preparado para gozar da alegria de ir para o Céu.

De que adianta uma liberdade falsa, que leva jovens aos vícios, que desajusta lares, que encurta o futuro? Esta liberdade não tem valor e é pior que os muros de uma prisão.

Somos livres ou não? Somos felizes ou não? Jesus está em nossos corações ou não? Se a nossa resposta é não para um ou mais itens dessas perguntas, temos a liberdade de tomar a decisão por Cristo. Ele nos ama, nos acolherá em Seus braços, nos dará a tão sonhada liberdade.

Paulo Barbosa

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...