PMs fazem campanha de 52 dias de jejum e oração; participe!

Um grupo de cerca de trinta pastores representando diversas denominações evangélicas esteve recentemente no Quartel General da Polícia Militar, em São Paulo, para o lançamento da campanha “Ore Pela sua Polícia”, idealizada pela Associação PMs de Cristo em parceria com igrejas de São Paulo. O comandante geral da Polícia Militar, Coronel Hudson Camilli, também esteve presente.

A campanha, que coincide com a onda de ataques contra policiais militares, pretende estabelecer uma cobertura de oração e jejum pelo período de 52 dias em favor da vida dos homens e mulheres que integram a força policial e pelo reestabelecimento da paz social no Estado.

“Neste momento de sobressalto, faremos o que Neemias fez quando da destruição dos muros de Jerusalém: 52 dias de jejum e oração. Nós vamos pedir a Deus pela vida dos policiais que se arriscam todos os dias para proteger a sociedade, que são como aquele muro que guardava Jerusalém. A palavra de Deus diz: ‘se o buscarmos de todo o coração, Ele nos atenderá’”, afirmou o presidente dos PMs de Cristo, Capitão Joel Rocha, durante o evento.

O subcomandante da Polícia Militar, Coronel Hudson Camilli, destacou a importância da iniciativa da associação. “Eu parabenizo os PMs de Cristo por mais este gesto de amor e solidariedade em favor dos nossos policiais. Por intermédio desta campanha, nós todos vamos nos colocar de joelhos para que Deus ajude cada policial em sua missão”, declarou Camilli.

“O homem sabe que toda autoridade vem de Deus, mas quando você atinge certo patamar na instituição, começa a acreditar que pode resolver tudo sozinho. Nós devemos considerar sempre nossa dependência do Criador. Neste evento fizemos um gesto simbólico que mostra que estamos entregando a Ele todos os nossos problemas”, completou.

A Associação PMs de Cristo promove a campanha “Ore Pela sua Polícia”, com o objetivo de mobilizar a comunidade cristã evangélica para durante 52 dias jejuarem e orarem em favor da Polícia e pela paz social.

A campanha teve início no dia 25 de outubro, com encerramento previsto para 15 de dezembro – dia do aniversário de 181 anos da Polícia Militar de São Paulo – e é baseada na história bíblica de Neemias, que em 52 dias liderou as famílias de Jerusalém no incrível desafio de reconstruir os muros de proteção da cidade.

Promovido e coordenado pelos PMs de Cristo, o projeto será dinâmico e interativo, com cadastramento via web de voluntários e igrejas por meio do site www.pmsdecristo.org.br. Serão desenvolvidos ‘relógios’ de oração de 24 horas ininterruptas. Durante o período as igrejas receberão informações sobre motivos de oração e terão oportunidades de conhecer melhor a atividade policial, reconhecer e valorizar a figura humana do policial militar e de seus familiares.

Participação das igrejas

Os pastores presentes, que estiveram representando diversas denominações, também se colocaram à disposição para contribuir no fortalecimento da campanha e multiplicar a mensagem junto à comunidade evangélica, propagando seus objetivos de jejum e oração.

O pastor batista Márcio Alexandre de Moraes Santos, diretor de Ministérios da Rádio Trans Mundial, ressaltou que sua denominação já mobilizou igrejas em todo Estado para oração e jejum em favor da corporação, e que outras denominações estão fazendo o mesmo.

“A campanha de oração e jejum será a nossa resposta espiritual para a situação que vivenciamos hoje. Nós, enquanto povo evangélico, não podemos deixar a Polícia Militar desamparada, mas caminhar com ela segundo os princípios de Deus”, afirmou o Coronel Alexandre Terra, vice-presidente da associação PMs de Cristo.

Fonte: PMs de Cristo
Verdade Gospel

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...