Mãe clama a Deus e menino volta à vida após ser declarado morto pelos médicos

Ele foi considerado clinicamente morto pelos médicos após passar 15 minutos debaixo d’água em um lago com a superfície congelada
Um menino que voltou à vida após sua mãe orar a Deus no hospital virou o centro de uma história de milagre. John Smith, 14 anos, foi considerado clinicamente morto pelos médicos que o atenderam após passar 15 minutos debaixo d’água em um lago com a superfície congelada.

Ele e dois amigos brincavam sobre o gelo do lago quando uma parte ruiu e ele foi parar debaixo d’água. Um dos amigos segurou a placa de gelo rachada para evitar que ela se fechasse novamente e o outro foi chamar socorro.

Quando o resgate conseguiu tirá-lo de lá, já haviam passado 15 minutos e ele estava inconsciente, sem pulso e com a temperatura corporal baixíssima. Enquanto John era levado às pressas para o hospital, sua mãe era avisada da tragédia por uma colega de escola do filho.

Os médicos tentaram por muitos minutos fazer com que os batimentos cardíacos de John voltassem, e no momento em que eles desistiram, aproximadamente 45 minutos depois do acidente, sua mãe chegou ao hospital e clamou a Deus em voz alta.

“Senhor, não leve o meu filho. Querido Deus, por favor envie o Espírito Santo para salvar meu filho. Quero o meu filho vivo, por favor, devolva a vida a ele”, disse Joyce Smith.

A médica que atendia a ocorrência afirmou que poucos segundos após Joyce clamar a Deus em oração, o menino voltou à vida. A enfermeira que acompanhava o caso se emocionou na entrevista concedida à emissora afiliada da rede NBC News do estado do Missouri.

“Isso só pode ser um milagre. Ao ouvirmos o pulso, todos choramos”, disse a enfermeira Wendy Hoff.

Cerca de 48 horas depois de seus batimentos cardíacos voltarem ao normal, John despertou e foi submetido a uma série de exames, pois os médicos temiam que ele tivesse sérios problemas neurológicos devido ao longo tempo sem oxigenação no cérebro. No entanto, os exames mostraram que John não sofreu nenhuma sequela.

“Estou surpreso de estar vivo hoje, mas é um verdadeiro milagre, e agradeço a Deus por estar vivo. Há uma razão pela qual eu estou vivo, então eu vou seguir o que Deus tem para mim durante toda a minha vida”, disse John.

Assista a matéria (em inglês) e veja o relato das pessoas que testemunharam o milagre:




Fonte: Gospel Mais

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...