PLANTÃO - Morre um dos irmãos siameses que foram separados. Triste Notícia, veja o que aconteceu

Depois de alguns dias de luta e tratamento por causa da cirurgia de separação, Arthur Brandão, um dos gêmeos siameses que nasceram em Goiânia, não conseguiu sobreviver. A criança de cinco anos faleceu na noite da última sexta feira (27), após sofrer uma parada cardíaca.

Em nota, o Hospital Materno Infantil de Goiânia informa que os irmãos foram separados na última terça feira (24), após cinco anos de preparação e mais de 14 horas de cirurgia.

A unidade informa ainda que o outro irmão, Heitor Brandão, segue internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) Pediátrica do hospital, com febre e respirando com a ajuda de aparelhos. Não há previsão de alta.

Por respeito à família, o hospital informa que não serão agendadas entrevistas.

Mãe dos meninos, a professora Eliana Ledo Rocha Brandão pede que as pessoas continuem torcendo pela recuperação dos filhos e a doar sangue. “Gostaria de agradecer primeiramente a Deus, por a cirurgia ter sido um sucesso, pela equipe médico-hospitalar que nos deu apoio, a todas as pessoas que estiverem em corrente de oração e de doação de sangue pelos meninos e que continuem orando por nós porque este pós cirúrgico é complicado”, disse a professora.

Um dia após serem separados, os gêmeos Arthur e Heitor, de 5 anos, seguem internados em estado grave na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do Hospital Materno Infantil (HMI), em Goiânia.


Segundo boletim médico divulgado nesta quinta-feira (26), os meninos, que nasceram siameses, apresentam febre e não têm previsão de alta médica.

Em defesa da FÉ

Um comentário:

  1. Gostei de ler o texto, mas para mim muito triste. Bom fim de semana
    Um abraço

    Santa Cruz

    ResponderExcluir


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...