Mais de 500.000 inscrevem-se para ler a Bíblia em 2015

"O Desafio da Bíblia" começou em 1º de janeiro
Muitos cristãos possuem um (ou mais) exemplar da Bíblia, mas uma percentagem pequena pode afirmar que já leu todo o seu conteúdo. O movimento chamado “O Desafio da Bíblia” foi iniciado por Marek Zabriskie, em 2011. Ele é pastor de uma igreja na Pensilvânia.

A ideia era simples, reunir os membros da igreja Episcopal que ele frequenta e desafiá-los a ler toda a Bíblia em 365 dias ou menos. A prática cresceu rapidamente, abarcando outras igrejas da denominação e em 2015 ele já reúne mais de 500 mil fiéis, de mais de 2.500 igrejas, em 40 países. Todos assinaram um compromisso de ler a Bíblia de capa a capa este ano. 

Para a maioria delas, o desafio começou no primeiro dia do Ano Novo. Mas os interessados podem ingressar a qualquer momento, não há data-limite.

Zabriskie acredita que isso pode mudar a vida dos cristãos. Ele conta em seu site que o segundo presidente dos Estados Unidos, John Adams, lia a Bíblia inteira a cada ano. Adams estudava as Escritura constantemente no momento em que ajudava a moldar e formar uma nação. De acordo com Zabriskie, foi a leitura da Bíblia que deu Adams a capacidade de fazê-lo. Outros presidentes americanos como Dwight D. Eisenhower e Jimmy Carter também relatam em suas biografias que faziam a leitura anual.

O pastor reconhece que sua iniciativa não é a única do gênero, mas que está fazendo uma grande diferença em muitas igrejas tradicionais. “Eu percebi que a leitura da Bíblia tem ficado em segundo plano nas principais tradições cristãs. Muitos pastores estão mais preocupados em ensinar as pessoas a serem boas do que a seguir os ensinamentos bíblicos”, explica.

Para Zabriskie, a Bíblia é o melhor ponto de partida para quem deseja o auto aperfeiçoamento e um incentivo para quem deseja ajudar os outros que tem dúvidas sobre Deus. Ele lembra que a Bíblia é o livro mais vendido de todos os tempos. 

Ainda assim, acredita que ela pode ensinar coisas novas todos os dias. Seu desafio vai além, ele convida que não cristãos possam aceitar seu desafio e descobrir por si mesmos se todas as suas ideias pré-concebidas sobre as Escrituras estão corretas.

Para facilitar a vida daquelas pessoas que não desgrudam dos smartphones, ele sugere que elas entrem diariamente no site do Desafio onde poderão ver a leitura sugerida do dia e acessar alguns guias de estudo para iniciantes. Por enquanto o material só está disponível em inglês. 

Com informações Urban Christian News

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...