Você é um religioso? Veja 10 sinais que podem mostrar isso

Religiosidade - Sem perceber, é fácil um cristão substituir esse relacionamento precioso com um espírito religioso, de acordo com o pastor Joseph Mattera.

É muito fácil confundir “ser religioso” com “buscar ter um relacionamento com Deus”. Todas as religiões do mundo se baseiam na tentativa feita pelo homem de chegar a Deus. Mas, diferente disso, o cristianismo deve envolver uma verdadeira relação com Deus.

Sem perceber, é fácil um cristão substituir esse relacionamento precioso com um espírito religioso. A seguir, veja dez sinais escritos pelo autor e pastor Joseph Mattera, que revelam se há em você um espírito religioso:

1. Você julga as pessoas pela aparência.
Deus nos julga pelo nosso coração, mas o homem julga pela aparência exterior. Ouço falar de muitas igrejas onde os jovens não se sentiram bem-vindos ou foram condenados pela liderança porque tinham tatuagens, piercings, ou estavam vestidos de maneira despojada – em algumas igrejas, os homens têm que vestir terno e gravata, e as mulheres não estão autorizadas a usar maquiagem, calças ou cortar o cabelo –.

Embora eu acredite que de acordo com o amadurecimento na fé os crentes devam se vestir modestamente, nós devemos permitir que os visitantes venham como eles são. As igrejas legalistas que proíbem as pessoas de assistir aos culto por causa de seus trajes, mostram um dos sinais de um espírito religioso.

2. Você tenta ganhar o amor e a salvação de Deus.
A religião se refere a um esforço feito pelo homem para agradar a Deus. A motivação por trás desses esforços, nesta categoria, tem a ver com seguir certas regras ou regulamentos que regem o homem exterior, a fim de estar correto com Deus. Esta é uma clara violação das passagens que nos ensinam que somos salvos pela graça e não pelas nossas próprias obras.

3. Você tenta se conformar com aparente santidade, sem transformação interior.
As Escrituras nos ensinam que Deus está mais preocupado com a limpeza do homem interior do que a nossa conformidade exterior às regras e regulamentos. Aqueles que só têm uma forma de piedade, sem transformação interior, negam o poder de Deus.

Em minha experiência, tenho observado que pessoas religiosas têm hábitos pecaminosos porque não permitem que Deus mude seu interior. Quanto mais tentamos seguir a Deus apenas pela letra da lei, mais ela vai incitar nossas tendências pecaminosas.

4. Você é sempre crítico sobre a vida de outras pessoas com Deus.
Tenho notado que quanto mais uma pessoa é religiosa, mais crítica de outros crentes e ministros ela se torna. Uma vez que eles são exigentes consigo mesmos (pessoas religiosas, em geral, não entendem a graça de Deus e andam na autocondenação), eles também exigem de outras pessoas.

5. Seus relacionamentos cristãos mais próximos são baseados apenas em atividades ministeriais.
Pessoas religiosas não são apenas superficiais com Deus, mas com os outros também. Uma vez que eles tentam se conectar com o "outro" apenas por atividades, eles são desligados emocionalmente. O ministério ou as funções relacionadas com a igreja costumam determinar.

6. Você executa deveres cristãos, mas não tem nenhuma paixão ou fome de Deus.
As pessoas religiosas sustentam sua versão do cristianismo através de seu ministério ou denominação. Eles não têm uma relação profunda com Deus, nem fome e sede por Ele.

7. Você deseja posição e honra na igreja mais do que a honra de Deus.
Os religiosos são atraídos pelo reconhecimento e títulos no mundo da igreja. Se eles não podem obter um título ministerial de sua própria igreja, eles vão fazer algum curso online, ou buscarão outra entidade que irá oferecer algum tipo de crachá ou cartão, significando que são um ministro ou capelão.

8. Sua identidade está enraizada em um estilo de vida do cristianismo, em vez de em Cristo.
Seguidores maduros de Cristo recebem sua identidade de "filhos" de Deus, ao passo que as pessoas religiosas recebem sua identidade nas coisas que eles tentam fazer por Deus e sua igreja.

9. Você sabe sobre a verdade de Jesus, mas não sobre o caminho de Jesus.
Pessoas religiosas prezam pelo conhecimento teológico. Eles cometem o erro de pensar que ter boa doutrina significa que eles são crentes maduros. Saber sobre Deus não significa estar em comunhão com Deus e conhecê-Lo experimentalmente.

10. Você aparenta ter senso de justiça, mas interiormente está cheio de raiva e ressentimento.
Os religiosos conhecem a linguagem cristã, sabem como agir e usam estes "atos" para ganhar influência nos círculos da igreja. No entanto, a projeção de um personagem cristão não dura muito tempo.

Aqueles que dependem dessa projeção não tem sustentabilidade para lidar com as dores e decepções da vida. Isso resulta em uma dupla personalidade que aparece justa, mas por dentro está cheia de raiva, ressentimento e inveja. 

Todos nós podemos nos encaixar em uma dessas 10 categorias em determinados momentos de nossa vida. Mas há uma boa notícia: Deus está nos chamando para ir mais fundo Nele e experimentar o Seu infinito amor.

A única maneira de experimentar a plenitude de Deus em nós, é deixar que Ele cresça, e nós diminuamos. Se tentamos inverter esta situação, então seremos apenas religiosos, e Deus irá nos permitir falhar.

Fonte: Guiame, com informações de Charisma News

0 comentários:

Postar um comentário

500 Anos


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Tags

(783) Cristãos Perseguidos (549) Cristãos (519) Bíblia (493) Intolerância Religiosa (365) Israel (346) Evangélicos (303) igreja (264) Reflexão (247) apocalipse (194) oração (190) Homosexualismo (177) catolicismo (153) Rede Record (148) homofobia (147) Irã (141) escatologia (132) Missões (131) Evento Gospel (128) Silas Malafaia (126) pecado (123) islan (114) Política (113) judeus (112) ateus (109) Aborto (106) Religião (105) Milagres (103) Natal (102) Criança (92) Ahmadinejad (91) esporte (91) Testemunho (86) globo (77) guerra (73) Perdão (72) Salvação (72) Morte (64) pastores (64) Aline Barros (59) Religiosidade (56) Yousef Nadarkhani (56) PL122 (55) Amor (54) adoração (48) heresia (47) Drogas (42) Prosperidade (42) festival promessas (41) Judaísmo (39) Thalles Roberto (39) campina grande (39) Apostasia (38) carnaval (36) Idolatria (35) mulçumanos (34) Estados Unidos (33) Família (33) Maconha (31) adoradores (29) Shows (28) Catástrofes (26) Hipocrisia (26) Páscoa (22) esperança (22) Mentira (20) Confiança (19) Alegria (18) Nasa (18) Pornografia (18) Oriente Médio (17) Suicídio (17) DIP (16) Paz (16) Rei David (16) adversidade (16) consciência cristã (16) BAND (15) Conforto (15) Pena de Morte (15) Promessa (15) Sofrimento (14) BBB (12) Graça (12) Tatuagem (12) benção (12) dia das mães (12) obediência (12) impureza (11) Ansiedade (10) Justin Bieber (10) Rio +20 (10) livro (10) masturbação (10) Catástrofe (9) Desobediência (9) Filho pródigo (9) Perlla (9) livre arbítrio (9) Jotta A (8) Pedro Leonardo (8) Whitiney Houston (8) filho de crente (8) sony music (8) Darwin (7) Eutanásia (7) Hackers (7) Perigo (7) Senadores (7) União (7) presença de Deus (7) Perfeição (6) cura pela palavra (6) Purgatório (5) alienígenas (5) lei da palmada (5) Aline Barros mostra sua filha (4) Cegueira Espiritual (4) Kaka (4) escolhas (4) texto e contexto (4) torá (4) vasco (4) vigilância (4) Gratidão (3) Ressentimento (3) Segurança (3) Semeadura (3) Sodomia (3) o Caminho (3) servos (3) Cristo Redentor 80º aniversário (2) Guinnes Wolrd Records (2) Harold Camping (2) Impossiveis (2) Pressa (2) Sonho de infância (2) mundial da juventude (2) Flórida (1) Galardão (1) Michel Teló (1) Redenção (1) impios (1) recall (1) vingadores (1)

Uma Reflexão sobre a Crise no Brasil