"Geraldo Alckmin" fala sobre a morte do filho: “dor sem limite”

Thomaz Alckmin morreu em queda de helicóptero
O governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, se manifestou pela primeira vez sobre a morte do filho Thomaz Alckmin, que sofreu um acidente de helicóptero na semana passada. 

Em sua página oficial no Facebook, Alckmin afirmou que perder um filho “é uma dor sem limite” e postou uma foto com Thomaz, que teria completado 32 anos na segunda-feira.

“Perder um filho é uma dor sem limite. Só a fé e a solidariedade dos amigos nos ajudam a suportá-la neste momento. Acabo de retornar da Missa de Sétimo Dia do nosso filho Thomaz. 

Na segunda-feira, ele teria feito 32 anos. A Lu Alckmin (esposa) e eu agradecemos a todos pelas mensagens de apoio, solidariedade e carinho. Elas estão sendo muito importantes para nossa família neste momento”, postou Alckmin. 

Na sequência, Alckmin compartilhou uma publicação que Lu Alckmin postou na rede social na quarta-feira com uma mensagem de Santo Agostinho em homenagem ao filho.

O helicóptero em que estava Thomaz Alckmin caiu na quinta-feira (2), em um condomínio residencial de Carapicuíba, zona oeste da Grande São Paulo. Além do filho do governador, morreram no acidente o piloto Carlos Haroldo Isquerdo Gonçalves e três mecânicos. 

A empresa Seripatri, proprietária da aeronave, informou que o helicóptero Eurocopter, modelo EC 155, tinha cerca de quatro anos de uso e 600 horas de voo. 

De acordo com a empresa, a documentação do aparelho estava em ordem. No momento da queda, a aeronave fazia um voo de teste, após manutenção preventiva. 

informação terra

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...