"Papa Francisco rejeita diplomata gay" para embaixada no Vaticano

O Papa Francisco não quer aprovar a indicação do diplomata Laurent Stéfanini, 55, como embaixador da França no Vaticano. 

A imprensa francesa suspeita que a recusa se deva à sexualidade de Stéfanini, que é gay. A afirmação é dos jornais franceses Le Monde e Libération

Stéfanini já foi o segundo na hierarquia da embaixada francesa no Vaticano, entre 2001 e 2005, e hoje é chefe do cerimonial do Palácio do Eliseu, sede do executivo francês. 

É homossexual, católico praticante, solteiro e sem filhos, diz o Le Monde.

Em março, ele foi indicado pelo presidente François Hollande para chefiar a embaixada no Vaticano, mas a administração Santa Sé ainda não aprovou a nomeação. O cargo está vago há três meses, o que, de acordo com a imprensa francesa, tem gerado mal estar entre a Santa Sé e a chancelaria da França.

informação Brasil Post

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...