“Por que podemos criticar o cristianismo, mas não o islã?”, questiona Richard Dawkins

Cientista ateu teve evento cancelado após criticar o fundamentalismo islâmico
O cientista Richard Dawkins, um dos maiores divulgadores científicos da atualidade, foi alvo de uma polêmica. Autor de vários livros e crítico das religiões, teve um evento cancelado por críticas feitas contra muçulmanos.

Dawkins participaria de uma palestra na Universidade de Berkeley para falar do livro de memórias Brief Candle in the Dark. Mas, após tuites considerados ofensivos pela organização do evento, a rádio KPFA, a programação foi cancelada.

“Nós não sabíamos que ele tinha ofendido – em seus tuítes e outros comentários sobre o Islã – tantas pessoas. A KPFA não apoia discursos ofensivos”, disse a rádio, por meio de um comunicado.

Richard é um expoente do neoateísmo e conhecido por suas críticas ao cristianismo. O autor ficou surpreso com a decisão, que a classificou sem fundamento.

“Eu sou conhecido como um crítico frequente do Cristianismo e nunca foi desconvidado por causa disso. Por que dar um passe livre para o Islã? Por que é aceitável criticar o Cristianismo mas não o Islã?”, afirmou.

Dawkins acredita que o islamismo militante prejudica e estigmatiza os mulçumanos. Ainda disse que o Islã é “a maior força para o mal no mundo de hoje”.

Outras pessoas ficaram ao lado do cientista, entre eles o professor e autor Steve Pinker, que trabalha em Harvard. “A decisão é intolerante, mal-fundamentada e ignorante”, afirmou por meio de carta.

V.S. Ramachandran, notório neurocientista da Universidade da Califórnia, defendeu Richard. “Dawkins é a pessoa mais corajosa e intelectualmente honesta que eu conheço. Concorde ou não com suas posições, você não pode questionar a integridade dele”.

A Universidade de Berkeley tem sido alvos frequentes de polêmicas. Em abril, cancelou uma palestra de Ann Coulter, escritora conservadora. O mesmo ocorreu com o jornalista de direita Milo Yiannopoulos, por protestos de alunos. 

Com informações Gazeta do Povo

0 comentários:

Postar um comentário


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...